Presidente do Santos assume prejuízo e leva equipe para ver estrago no PacaembuSantos Futebol Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Presidente do Santos assume prejuízo e leva equipe para ver estrago no Pacaembu

O Santos arcará com o prejuízo causado por parte de sua torcida no empate em 0 a 0 com o Independiente-ARG, na última terça-feira, no Pacaembu, pela Libertadores da América. São cadeiras, alambrados e banheiros vandalizados. De acordo com a Secretaria de Esportes e Lazer de São Paulo, o custo estimado é de até R$ [?]

16:15 | 30/08/2018

O Santos arcará com o prejuízo causado por parte de sua torcida no empate em 0 a 0 com o Independiente-ARG, na última terça-feira, no Pacaembu, pela Libertadores da América.

São cadeiras, alambrados e banheiros vandalizados. De acordo com a Secretaria de Esportes e Lazer de São Paulo, o custo estimado é de até R$ 40 mil para os reparos.

?Quebrou-se material do Pacaembu, é um dano ao bem público. É vandalismo e o Santos vai pagar. No relatório, saíram 60 cadeiras. Nosso pessoal foi fazer a checagem. E o que nós provocamos de prejuízo vamos pagar?, disse o presidente José Carlos Peres, em evento na Federação Paulista de Futebol.

A decisão foi encerrada aos 42 minutos do segundo tempo pela arbitragem após bombas arremessadas e tentativas de invasão ao gramado. A Conmebol avalia o caso e deve punir o Santos novamente.

Mesmo com a reforma pendente, o Peixe confirmou o Pacaembu como mando de campo para a partida contra o Grêmio, dia 6, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Gazeta Esportiva

TAGS