Emily Lima traça panorama santista na segunda fase do Paulistão FemininoSantos Futebol Clube | Times | Esportes O POVO 

PUBLICIDADE
Esportes


Emily Lima traça panorama santista na segunda fase do Paulistão Feminino

Oito equipes seguem vivas na luta pelo título do Campeonato Paulista Feminino de 2018, cuja segunda fase tem início previsto para este sábado, dia quatro de agosto. Divididas em dois grupos de quatro cada, as equipes jogarão dois turnos, ou seja, seis jogos, na busca por uma vaga nas semifinais do torneio. O Santos está [?]

09:30 | 02/08/2018

Oito equipes seguem vivas na luta pelo título do Campeonato Paulista Feminino de 2018, cuja segunda fase tem início previsto para este sábado, dia quatro de agosto. Divididas em dois grupos de quatro cada, as equipes jogarão dois turnos, ou seja, seis jogos, na busca por uma vaga nas semifinais do torneio. O Santos está na chave de Rio Preto, São José e Audax, adversários que, segundo a técnica Emily Lima, prometem endurecer a disputa com as Sereias da Vila.

?É o momento de fazer um balanço geral de tudo que já fizemos na competição, mas começar do zero, afinal, agora é matar ou morrer. Não podemos pensar em empatar ou perder. É buscar a vitória em todos os jogos. São três adversários competitivos, que avançaram de fase porque mereceram?, afirmou, em entrevista publicada pelo site oficial do Alvinegro praiano.

O São José é uma equipe tradicional, que Emily conhece bem em função dos tempos em que trabalhou lá. Já Rio Preto merece toda atenção possível, já que terminou a primeira fase como líder do Grupo 1.

?O São José eu conheço bem, já trabalhei lá. É uma equipe que evoluiu bastante desde a estreia contra nós até o início do segundo turno. E provavelmente encontraremos um time ainda melhor nesse sábado. Já o Rio Preto é quela pedrinha no sapato. É aquele time onde as meninas não desistem nunca. Você pode estar ganhando e achando que está controlando as ações, mas de repente elas vão lá e buscam o resultado. Não tem um futebol muito vistoso, mas são eficientes demais. Sabemos das características delas e vamos tentar neutralizar isso?, apontou.

O Audax seria, em tese, o rival mais fraco, já que obteve a pior campanha entre os oito times classificados. Mesmo assim, a treinadora santista não deixa de destacar a evolução de suas adversárias, que foram derrotadas duas vezes pelo Peixe neste ano, em dois confrontos válidos pelo Campeonato Brasileiro.

?Elas cresceram bastante, são muito bem organizadas com a posse de bola, e têm a proposta definida de sair jogando com a goleira. Gosto bastante de jogar contra o Audax, pois têm um estilo parecido com o nosso e as duas equipes gostam de propor o jogo. Estamos preparadas. Todas as atletas voltaram bem após a semana de folga. Agora é colocar o pé no chão e dar seguimento ao trabalho?, completou.

A estreia do Santos será neste sábado, contra o São José, a partir das 15h (no horário de Brasília). No outro grupo, os postulantes a uma vaga nas semifinais são Corinthians, Ferroviária, Ponte Preta e Taubaté.

Gazeta Esportiva

TAGS