PUBLICIDADE
Esportes

Possível titular e opção em várias posições: conheça o lateral Danilo

Candidato a lateral direito titular do Brasil na Copa do Mundo, Danilo começou a carreira no América-MG em 2009, aos 18 anos. O lateral estreou no Campeonato Mineiro daquele ano e foi titular em nove partidas da Série C do Campeonato Brasileiro, que terminou com título e acesso do Coelho. No ano seguinte, foi titular [?]

08:15 | 05/06/2018

Candidato a lateral direito titular do Brasil na Copa do Mundo, Danilo começou a carreira no América-MG em 2009, aos 18 anos. O lateral estreou no Campeonato Mineiro daquele ano e foi titular em nove partidas da Série C do Campeonato Brasileiro, que terminou com título e acesso do Coelho. No ano seguinte, foi titular no Campeonato Mineiro e eleito a revelação da competição.

O desempenho no América chamou a atenção do Santos, que o contratou em julho de 2010. Danilo se firmou rapidamente como titular da lateral santista e foi um dos pontos fortes das campanhas no Campeonato Brasileiro e do título da Copa do Brasil. No ano seguinte, Danilo foi um dos principais jogadores na conquista da Libertadores da América juntamente com Neymar, Ganso e companhia.

Em julho de 2011, pouco depois do título da Libertadores, Danilo foi vendido ao Porto por 10 milhões de euros. No entanto, o lateral continuou no Santos até o final do ano para a disputa do Mundial de Clubes, no qual o Peixe acabou goleado por 4 a 0 pelo Barcelona. No final do mesmo ano, ele teve a primeira chance na Seleção Brasileira em amistoso contra a Argentina, sob comando de Mano Menezes.

A primeira temporada no Porto não foi das melhores para Danilo. Ele perdeu dois meses de 2012 com lesão no joelho esquerdo. No entanto, em julho, o jogador fez parte do time que conquistou a medalha de prata nas olimpíadas de Londres. O lateral foi titular absoluto do clube português até o final da temporada 2014-15, quando foi vendido ao Real Madrid por 31 milhões de euros.

No gigante espanhol, o brasileiro teve de brigar pela titularidade da lateral direita com Dani Carvajal e não conseguiu se firmar como no Porto. Além disso, o jogador perdeu espaço na Seleção, ficando mais de dois anos sem ser convocado. De olho na Copa do Mundo, Danilo se transferiu ao Manchester City por 30 milhões de euros no início da temporada 2017-18.

No time de Pep Guardiola, Danilo também não foi titular na lateral direita, com Kyle Walker, titular da Inglaterra, na função. No entanto, o jogador se tornou um ?faz tudo? na equipe, atuando nas duas laterais, na zaga e no meio-campo. A versatilidade e as boas atuações na histórica campanha no Campeonato Inglês o trouxeram de volta à Seleção em 2017 e lhe renderam uma convocação de Tite para a Copa do Mundo de 2018.

Gazeta Esportiva

TAGS