PUBLICIDADE
Esportes

Rodrygo idolatra Neymar e cumpre papel de garoto-propaganda

O atacante Rodrygo viveu uma tarde inusitada nesta terça-feira. Ao lado do ídolo Neymar, o santista de apenas 17 anos de idade participou de um evento promovido pela TCL, gigante chinesa do ramo de eletroeletrônicos, e cumpriu seu papel de garoto-propaganda. Apresentado pela mestre de cerimônias do evento como ?Rodrygo Goes?, o atacante subiu ao [?]

09:15 | 18/04/2018

O atacante Rodrygo viveu uma tarde inusitada nesta terça-feira. Ao lado do ídolo Neymar, o santista de apenas 17 anos de idade participou de um evento promovido pela TCL, gigante chinesa do ramo de eletroeletrônicos, e cumpriu seu papel de garoto-propaganda.

Apresentado pela mestre de cerimônias do evento como ?Rodrygo Goes?, o atacante subiu ao palco para anunciar a presença de Neymar e saiu de cena rapidamente. Em seguida, trocou de lugar com o ídolo e voltou para conceder entrevista coletiva. ?Cuidado (com a imprensa), hein?, alertou o astro do Paris Saint-Germain.

Rodrygo respondeu perguntas com tranquilidade diante da numerosa plateia, formada por profissionais de imprensa, executivos da empresa chinesa e convidados. Sempre que possível, o atacante do Santos reiterou sua admiração pelo astro do Paris Saint-Germain.

?Sempre tive ídolos. É lógico que, agora, tenho o Neymar como principal ídolo. Mas sempre gostei do Ronaldinho. Tenho também meus ídolos que jogam fora do Brasil, ídolos de todo o mundo atualmente, o Cristiano e o Messi. Mas, hoje, o Neymar é meu principal ídolo?, explicou.

Com apenas 11 anos, Rodrygo conheceu o ídolo em um evento do centenário do Santos e, mais velho, jogou futebol com o astro em seu instituto. Questionado sobre o país em que gostaria de atuar, o jovem foi espirituoso: ?O país em que o Neymar estiver, para poder jogar ao lado dele?, afirmou, despreocupado com a fama repentina.

?Não tem me assustado, de forma alguma. Eu, minha família e o pessoal que trabalha comigo estávamos preparados. É claro que as coisas aconteceram muito rápido, mas já estava preparado para não me assustar e não vir uma bomba?, afirmou Rodrygo.

Durante o evento, o jovem atacante pôde ouviu conselhos de Neymar. Formado nas categorias de base do Santos, o astro da Seleção Brasileira também despontou de forma meteórica e, antes de deixar o clube para defender o Barcelona, ganhou o Campeonato Paulista, a Copa do Brasil e a Copa Libertadores.

?Fico honrado por ver alguém como o Rodrygo tentando seguir os mesmos passos. Já estive no lugar dele e também tenho meus ídolos. Procuro sempre segui-los, mas, ao mesmo tempo, ser eu. Já fica a dica de evitar a comparação de ser o ?novo Neymar?, como na época eu era o ?novo Robinho?. Traz um peso desnecessário?, aconselhou.

Gazeta Esportiva

TAGS