PUBLICIDADE
Esportes

Dodô elogia Jair e compara Santos com a Itália: ?Muito determinado?

Dodô foi formado pelo Corinthians, passou pelo Bahia e atuou na Roma, Itália e Sampdoria, na Itália. O lateral foi treinado por profissionais de diversos países. E no Santos, se surpreendeu com o trabalho de Jair Ventura. Além das questões táticas, Dodô ficou surpreso com a determinação de Jair. O exemplo dado foi a preparação [?]

19:15 | 09/04/2018

Dodô foi formado pelo Corinthians, passou pelo Bahia e atuou na Roma, Itália e Sampdoria, na Itália. O lateral foi treinado por profissionais de diversos países. E no Santos, se surpreendeu com o trabalho de Jair Ventura.

Além das questões táticas, Dodô ficou surpreso com a determinação de Jair. O exemplo dado foi a preparação para a vitória contra o Estudiantes, na Argentina, pela Libertadores.

?Conheci de verdade o trabalho do Jair na semana passada. Com sete ou oito treinos. É uma vantagem muito grande para mim, que chegou no meio do campeonato. Tenho muito a melhorar com o entrosamento com o time. Entendendo os conceitos, a interpretação é mais fácil durante os jogos. E a influência é diária. Fiquei bastante surpreso com ele no vestiário. Ele tinha sido sereno no vestiário na semifinal (contra o Palmeiras), passado tranquilidade. Estávamos bem preparados, mas no último jogo, senti ele mais emocionado. Está muito determinado. É muito importante isso num jogo como aquele. Empate seria ótimo resultado, mas ele nunca citou empate. Convicção na vitória foi muito importante em um resultado extraordinário. Não fomos carimbar a presença, fizemos algo extraordinário. Hora extra. Foi um resultado muito importante?, disse Dodô, em entrevista coletiva nesta segunda-feira.

?Fiz trabalhos parecidos (com o Jair) com o que eu fazia na Europa. Semelhança no cronograma também. Saída de bola, saída do adversário. Foi parecido e fiquei surpreso. Não dá para comparar com o tempo do Brasil e o tempo do treinador de fora. Lá fora, antes do campeonato nacional, italiano no caso, os treinadores tem um mês e meio quase. Um retiro, concentração de duas semanas para parte física, turnês de amistosos? É injustíssimo com treinador brasileiro. Aqui, tiveram 12 dias antes da estreia e há cobrança muito grande. É muito difícil comparar suas ideias com esse pouco tempo de trabalho, mas fiquei muito surpreso com os treinamentos da semana passada. Treinadores vêm evoluindo muito. Jair é de uma nova geração, com muito conhecimento. Fiquei surpreso. Uma surpresa positiva?, completou Dodô.

Dodô foi contratado pelo Santos por empréstimo junto a Sampdoria-ITA até 31 de dezembro. O presidente José Carlos Peres já prometeu a sua permanência em definitiva. O valor de compra fixado em contrato é de R$ 6 milhões.

Gazeta Esportiva

TAGS