PUBLICIDADE
Esportes

Dodô aprova estreia pelo Santos e vê ?ambiente hostil? como teste

Dodô estreou pelo Santos na derrota por 2 a 1 para o Novorizontino nesta quarta-feira, no Estádio Jorge Ismael de Biasi. Depois de nove meses sem atuar, o lateral-esquerdo teve atuação segura e aguentou os 90 minutos. O ala superou o gramado ruim e a chuva para não comprometer. A última partida foi em maio [?]

22:15 | 07/03/2018

Dodô estreou pelo Santos na derrota por 2 a 1 para o Novorizontino nesta quarta-feira, no Estádio Jorge Ismael de Biasi. Depois de nove meses sem atuar, o lateral-esquerdo teve atuação segura e aguentou os 90 minutos.

O ala superou o gramado ruim e a chuva para não comprometer. A última partida foi em maio de 2017, em derrota da Sampdoria por 7 a 3 contra a Lazio pelo Campeonato Italiano. Dodô entende que as condições adversas foram um bom teste visando a Libertadores.

?Não diria que faltou perna, mas com o campo assim ficou mais difícil de jogar. Nosso time gosta de ficar com a bola no pé, tocar a bola? Campo hoje era impraticável. Um ambiente hostil assim a gente vai encontrar na Libertadores. Foi válida a experiência para o nosso time, ainda mais para os mais jovens. Foi um jogo difícil, um campo difícil. Numa infelicidade fizemos um gol contra. Vale a experiência. Empenho não faltou?, disse Dodô, ao Premiere.

?É difícil avaliar pelo jogo. Estou feliz que consegui aguentar os 90 minutos fisicamente, ainda mais com o campo assim. Não senti nada. Essas duas semanas que fiquei trabalhando forte no CT valeram a pena?, completou.

Dodô deve seguir como titular do Peixe contra o São Bento, domingo, às 17h (de Brasília), na Vila Belmiro, pela 12ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista.

Gazeta Esportiva

TAGS
Dodô aprova estreia pelo Santos e vê ?ambiente hostil? como testeSantos Futebol Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes

Dodô aprova estreia pelo Santos e vê ?ambiente hostil? como teste

Dodô estreou pelo Santos na derrota por 2 a 1 para o Novorizontino nesta quarta-feira, no Estádio Jorge Ismael de Biasi. Depois de nove meses sem atuar, o lateral-esquerdo teve atuação segura e aguentou os 90 minutos. O ala superou o gramado ruim e a chuva para não comprometer. A última partida foi em maio [?]

22:15 | 07/03/2018

Dodô estreou pelo Santos na derrota por 2 a 1 para o Novorizontino nesta quarta-feira, no Estádio Jorge Ismael de Biasi. Depois de nove meses sem atuar, o lateral-esquerdo teve atuação segura e aguentou os 90 minutos.

O ala superou o gramado ruim e a chuva para não comprometer. A última partida foi em maio de 2017, em derrota da Sampdoria por 7 a 3 contra a Lazio pelo Campeonato Italiano. Dodô entende que as condições adversas foram um bom teste visando a Libertadores.

?Não diria que faltou perna, mas com o campo assim ficou mais difícil de jogar. Nosso time gosta de ficar com a bola no pé, tocar a bola? Campo hoje era impraticável. Um ambiente hostil assim a gente vai encontrar na Libertadores. Foi válida a experiência para o nosso time, ainda mais para os mais jovens. Foi um jogo difícil, um campo difícil. Numa infelicidade fizemos um gol contra. Vale a experiência. Empenho não faltou?, disse Dodô, ao Premiere.

?É difícil avaliar pelo jogo. Estou feliz que consegui aguentar os 90 minutos fisicamente, ainda mais com o campo assim. Não senti nada. Essas duas semanas que fiquei trabalhando forte no CT valeram a pena?, completou.

Dodô deve seguir como titular do Peixe contra o São Bento, domingo, às 17h (de Brasília), na Vila Belmiro, pela 12ª e última rodada da primeira fase do Campeonato Paulista.

Gazeta Esportiva

TAGS