PUBLICIDADE
Esportes

Asiáticos tentam votar e são ?expulsos? por opositores do Santos em SP

Um grupo com 10 chineses e coreanos estava na fila para votar nas eleições do Santos na sede da Federação Paulista de Futebol, em São Paulo, na manhã deste sábado. Suspeitando de uma possível compra de votos do atual mandatário Modesto Roma Júnior, que busca sua reeleição, membros das três chapas de oposição ?intimaram? os [?]

17:00 | 09/12/2017

Um grupo com 10 chineses e coreanos estava na fila para votar nas eleições do Santos na sede da Federação Paulista de Futebol, em São Paulo, na manhã deste sábado. Suspeitando de uma possível compra de votos do atual mandatário Modesto Roma Júnior, que busca sua reeleição, membros das três chapas de oposição ?intimaram? os asiáticos, que acabaram deixando o local sem registrar o voto.

?Esperamos ter êxito nas eleições. Se não tivermos, vamos recorrer. A denúncia já está no GAECO. Tinha de 8 a 10 chineses na fila pra votar. Eles foram apertados por todas as chapas de oposição e responderam: ?vou votar no amarelo, meu patrão mandou votar?. Estamos repetindo o que aconteceu no Vasco?, lamentou José Carlos Peres, candidato da chapa ?Somos Todos Santos?.

?Temos que lamentar. Estamos andando para trás. Acontecem coisas que não deveriam mais acontecer. Por isso que eu quero implantar o voto à distância?, ressaltou Nabil Khaznadar, candidato do grupo ?O Santos Que Queremos?.

A eleição do Peixe começou às 10h (de Brasília) e foi marcada por muita demora, além de várias discussões e protestos, principalmente nas urnas 10 e 9, que estão sob suspeita. Além de Peres, Nabil e Modesto, Andres Rueda também concorre no pleito.

Gazeta Esportiva

TAGS