PUBLICIDADE
Esportes

Modesto ?culpa? auditoria por atrasos no Santos, mas diz: ?Salários estão em dia?

O Santos não vem pagando o direito de imagem de vários atletas desde setembro. O atraso foi divulgado inicialmente por Oldegard Filho, um dos empresários de Ricardo Oliveira, em contato com a ESPN. O presidente Modesto Roma Júnior, por sua vez, confirmou as pendências, mas ?culpou? uma auditoria. ?O Ricardo está dando prioridade, mas o [?]

21:15 | 28/11/2017

O Santos não vem pagando o direito de imagem de vários atletas desde setembro. O atraso foi divulgado inicialmente por Oldegard Filho, um dos empresários de Ricardo Oliveira, em contato com a ESPN. O presidente Modesto Roma Júnior, por sua vez, confirmou as pendências, mas ?culpou? uma auditoria.

?O Ricardo está dando prioridade, mas o Santos não está ajudando. Está há quatro meses com salários atrasados, premiações. Tudo atrasado. E a questão, queria que você registrasse bem, que essa queixa quem faz sou eu, não o Ricardo. E se dependesse de mim, com essa gestão do clube ele não renovaria?, disse Oldegard à ESPN.

Segundo o mandatário, a auditoria está sendo realizada por causa das empresas jurídicas que os jogadores escolheram para receber essa parte dos vencimentos. Ele alegou ainda que o trabalho foi uma orientação do Profut para que o clube não sofra com ações trabalhistas no futuro.

?Todos os contratos de direto de imagem não são pagos diretamente ao atletas, mas com empresas. Por uma determinação interna, esses contratos passaram por uma auditoria. Tem dois meses vencendo e vai completar o terceiro (novembro). Está desde setembro a pendência e tem cerca de R$ 1 milhão para ser pago. Mas esse trabalho está em fase final. A quantia está separada para os jogadores?, disse Modesto em contato exclusivo com a Gazeta Esportiva.

?Mas salários estão em dia. Nada trabalhista está atrasado com o elenco do Santos?, ressaltou o presidente.

Para Modesto, as declarações de Oldegard Filho não interferem na negociação para renovar o contrato com Oliveira. O dirigente afirma que já explicou a situação a Augusto Castro, quem considera o ?verdadeiro empresário? do camisa 9.

?O Ricardo ficou de dar uma resposta após o término do Campeonato Brasileiro. Vamos sentar, conversar e ver o que é melhor para todos. Nós não podemos oferecer mais do que já oferecemos. A nossa vontade é que ele fique. E acredito que ele também queira ficar?, concluiu Modesto.

Gazeta Esportiva

TAGS