}else{}
Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Luan projeta retorno ao Palmeiras após lesão e mira duelo contra o Fortaleza

Novamente à disposição após edema muscular, zagueiro deve voltar a ser titular do Verdão diante do Tricolor e formar dupla com Gustavo Gómez
Autor - Gazeta Esportiva
Foto do autor
- Gazeta Esportiva Autor
Tipo Noticia

Recuperado de edema na panturrilha direita, o zagueiro Luan deve voltar a ser titular no Palmeiras diante do Fortaleza, neste sábado, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, às 21 horas (de Brasília), no Allianz Parque. Após cinco jogos como desfalque e um no banco de reservas, o defensor projetou seu retorno aos gramados e falou sobre sua condição física.

"Feliz, né? Acho que o pior momento para nós atletas é quando estamos fora e não podemos ajudar dentro de campo. Agradecer também o pessoal da fisioterapia, os médicos, fisiologistas, todo mundo que me ajudou na recuperação. Estou pronto, há dez dias treinando com o grupo já. É aproveitar as oportunidades e dar sequência nessa grande campanha que a gente vem fazendo", disse à TV Palmeiras.

Líder do Brasileirão com 32 pontos, o Palmeiras vai enfrentar o Fortaleza, atual terceiro colocado. Luan elogiou o time cearense e relatou que o elenco tem estudado o adversário.

"No Brasileirão, cada jogo é uma final. Temo que encarar todos os jogos com a mesma seriedade e pensamento, de buscar os três pontos independente de onde e contra quem jogarmos. O Fortaleza tem feito uma grande campanha, então a gente já tem estudado o adversário. Trabalhamos durante a semana e temos mais um treino amanhã para nos prepararmos 100% para o jogo de sábado e buscar mais uma vitória", afirmou.

Durante a ausência do camisa 13, Felipe Melo foi zagueiro em cinco partidas, enquanto Kuscevic foi titular em uma ocasião. Como o volante de origem está suspenso para o duelo contra o Fortaleza, Luan tem grandes chances de voltar a atuar ao lado de Gustavo Gómez. A dupla foi campeã da Libertadores na temporada passada.

"O Gustavo (Gómez) é um grande zagueiro, a gente já se conhece muito. Ganhamos algumas coisas aqui, juntos (risos). Pretendemos ganhar mais, sempre respeitando todos. Está todo mundo em busca de seu espaço, sabemos que temos um elenco qualificado e um grande treinador para escolher os que estão mais capacitados para jogar entre os 11", destacou.

Por fim, Luan falou sobre a segunda semana seguida livre para treinos do Palmeiras. O jogador lembrou o desgaste de jogar três vezes em uma semana, mas reforçou que a equipe deve estar pronta caso seja necessário enfrentar uma nova maratona de jogos.

"A gente vinha numa sequência muito grande desde o ano passado, chegamos em todas as competições. Tivemos poucos dias de férias e já começamos jogando, às vezes três jogos durante uma semana. É desgastante, mas somos Palmeiras. Se jogamos três vezes na semana é porque estávamos em todas as competições. É dar prosseguimento ao trabalho, buscar sempre a evolução para que a gente possa continuar ganhando e atingindo nossos objetivos na temporada", concluiu.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Piquerez é registrado no BID e pode estrear pelo Palmeiras contra o Fortaleza

Cara nova
19:48 | Ago. 05, 2021
Autor Gazeta Esportiva
Foto do autor
Gazeta Esportiva Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

Último reforço a ser anunciado pelo Palmeiras, o lateral-esquerdo Joaquín Piquerez teve seu nome registrado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF na tarde desta quinta-feira. Regularizado, o uruguaio está apto a estrear diante do Fortaleza, neste sábado, no Allianz Parque.

Novo camisa 22 do clube, Piquerez treina com o restante do elenco alviverde desde terça-feira. O jogador vinha atuando pelo Peñarol e está em boas condições físicas. O defensor entrou em campo pela última vez no dia 22 de julho, quando foi titular no clássico contra o Nacional pela Copa Sul-Americana.

Aos 22 anos, Piquerez foi contratado para substituir o compatriota Matías Viña, negociado com a Roma. O lateral é considerado uma das grandes promessas do futebol uruguaio, tendo passagens pelas seleções de base do país.

Na quarta-feira, o jogador foi apresentado oficialmente como reforço do Verdão. Em entrevista coletiva, revelou ter conversado com Viña antes de assinar contrato e rasgou elogios ao clube.

O Palmeiras encara o Fortaleza às 21 horas (de Brasília) deste sábado, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com 32 pontos, o time de Abel Ferreira lidera a competição nacional.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Clubes e FCF entregam protocolo ao Governo do Estado por volta do público aos estádios

Futebol cearense
18:00 | Ago. 05, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

O protocolo elaborado por Ceará, Fortaleza e Federação Cearense de Futebol (FCF) acerca da liberação de torcida nos estádios já está nas mãos do Governo do Estado. Os clubes e a entidade responsável pelo futebol local encaminharam o documento, que solicita liberação de 40% de público nos jogos, e aguardam o parecer, apurou o Esportes O POVO.

No início desta semana, dirigentes de Vovô e Leão se reuniram com a Federação para finalizar o protocolo, que já era discutido há algumas semanas. As partes estabeleceram o pedido de liberação de 40% da capacidade do estádio seguindo dois requisitos: imunização completa pela vacina (duas doses ou dose única, no caso da Janssen) ou teste PCR para Covid-19 em até 48 horas antes da partida.

No caso da Arena Castelão, palco dos jogos de alvinegros e tricolores, seriam cerca de 24 mil pessoas com acesso - a capacidade total atual do estádio é de 60 mil torcedores.

Protocolo do futebol cearense para volta da torcida aos estádios:

  • Liberação de 40% de público
  • Torcedores imunizados pela vacina ou testados até 48 horas antes do jogo

O documento foi enviado à Secretaria de Saúde do Governo, e os clubes e a FCF têm a expectativa de que o tema entre em pauta na reunião semanal do Comitê estadual de combate à pandemia, na próxima sexta-feira, 6, apurou o Esportes O POVO.

Com relação de parceria fora dos gramados, Ceará e Fortaleza já conversavam sobre a volta do público há alguns meses e se movimentavam nos bastidores. Uma empresa de tecnologia chegou a firmar parceria para disponibilizar um aplicativo que controlaria a entrada dos torcedores no estádio de acordo com o protocolo - a operação deverá ser assumida pelos próprios clubes, no entanto.

No mês passado, a Federação e os dois clubes chegaram a marcar uma reunião com a Secretaria de Saúde para discutir a possibilidade de público no Clássico-Rei da Série A, no último dia 1º, mas o pleito perdeu força sem retorno do Estado e sem apoio da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

A entidade máxima do futebol nacional planeja libera a presença de público nas competições que organiza a partir das quartas de final da Copa do Brasil, no final deste mês de agosto - o que incluiria o Fortaleza. Em paralelo, o Flamengo-RJ recorreu ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e conseguiu liminar para ter público nas partidas como mandante em torneios nacionais, o que irritou a CBF em razão de decisão coletiva dos clubes sobre o tema antes da Série A.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Cléber projeta superar a marca de 8 gols pelo Ceará em 2020 e mira artilharia do Brasileirão

QUER ARTILHARIA
17:42 | Ago. 05, 2021
Autor Mateus Moura
Foto do autor
Mateus Moura Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

Autor do segundo gol na vitória por 3 a 1 no Clássico-Rei do último domingo, 1, o camisa 89 encerrou um jejum de 12 rodadas sem marcar na Série A do Campeonato Brasileiro. Em entrevista coletiva nesta quinta-feira, 5, em Carlos de Alencar Pinto, o atacante falou sobre a importância de vencer o rival, analisou o próximo confronto da equipe diante do Atlético-GO e disse que pretende brigar pela artilharia do Brasileirão.

Acostumado a balançar as redes quando enfrenta o Fortaleza, o centroavante já marcou três gols em cima do Tricolor — um em 2020, pelo returno do Brasileirão, e os outros dois neste ano, pela Copa do Brasil e pela Série A. O atleta de 24 anos não escondeu a felicidade pelo bom retrospecto contra o rival.

"É importante marcar em um Clássico-Rei. É um campeonato à parte, nós encaramos sempre assim. Um jogo histórico, com muita rivalidade. Entramos sempre com muita gana de vencer. É importante estar sempre marcando contra o rival."

Com a vitória, o Alvinegro chegou aos 10 jogos de invencibilidade, alcançando sua maior sequência sem derrotas e também seu melhor início da história dos pontos corridos na Série A, com 22 pontos em 14 rodadas. Para o atacante, o time deste ano está sendo mais atento aos detalhes da partida.

"Esses 10 jogos de invencibilidade representam muita coisa para nós. Do ano passado para cá, melhoramos muito nossa atenção. Estamos mais ligados nos detalhes para estar sempre somando pontos na competição."

Para manter a série invicta e conseguir duas vitórias consecutivas pela primeira vez no campeonato, o Vovô encara o Atlético-GO, domingo, 8, às 18h15min, na Arena Castelão, pela 15ª rodada da Série A. Enquanto o clube goiano jogou no meio da semana, sendo eliminado da Copa do Brasil pelo Athletico-PR, o Ceará teve os dias livres para treinar. Cléber acredita que o desgaste físico e mental do Dragão pela eliminação pode ser um fator favorável ao Alvinegro na partida.

"É uma equipe que briga muito. Jogamos contra eles ano passado e vimos que foi difícil vencer. Temos que fazer tudo que o professor pediu nesta semana, aproveitar que eles estão desgastados, com o mental pesado por terem sido eliminados, para conquistar os três pontos no domingo."

Com cinco gols na atual temporada, o camisa 89 quer ultrapassar os 8 gols marcados em 2020 pelo Vovô. "Eu pretendo ultrapassar essa meta do ano passado, estar sempre marcando gols é importante para qualquer atacante. Vou para o campo sempre focado em marcar gols."

Ambicioso, o centroavante — que possui dois gols na Série A —, não projeta apenas superar sua marca pessoal, ele acredita, também, que pode brigar pela artilharia do Brasileirão. Gilberto, do Bahia, Bruno Henrique, do Flamengo, e Matheus Peixoto, do Juventude, dividem a liderança do ranking com 7 gols marcados.

"Eu acho que tenho, sim, possibilidades (de alcançar a artilharia). Nosso time está em uma crescente. Se eu aproveitar as oportunidades durante as partidas, com certeza vou conseguir igualar a marca do Gilberto, que está com sete gols, ou até ultrapassar."

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Emprestado pelo Palmeiras, Borja acerta com o Grêmio até o fim de 2022

Mercado da bola
16:10 | Ago. 05, 2021
Autor Gazeta Esportiva
Foto do autor
Gazeta Esportiva Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

O Grêmio oficializou a contratação de Miguel Borja nesta quinta-feira. O atleta de 28 anos assinou um vínculo até dezembro de 2022, por empréstimo. O colombiano pertence ao Palmeiras e estava emprestado ao Junior de Barranquilla.

Borja chegou a Porto Alegre na noite da última terça-feira junto de familiares e seu empresário. Na quarta, realizou exames médicos e foi apresentado ao clube.

O jogador começou sua carreira no Deportivo Cali, em 2011, mas ganhou notoriedade pelo Atlético Nacional, em 2016, quando foi eleito o melhor jogador da América. Suas boas atuações renderam a convocação para fazer parte do elenco da Colômbia que disputou as Olimpíadas realizadas no Rio de Janeiro e, mais tarde, a seleção colombiana principal na Copa do Mundo 2018.

Borja agradeceu à diretoria do Grêmio pela oportunidade e ao Felipão por acreditar no seu potencial. Sobre a situação na tabela do Brasileiro, o atacante disse que o clube tem elenco para “virar” a situação que vive no momento.

"Felipão me ligou, eu liguei também. Eu falei que estava agradecido por ele acreditar em mim. O Felipão já sabe minhas características, o que consigo fazer cada jogo. Seguramente preciso movimentar e fazer gol”, disse o jogador.

"Quando me procuraram, eu sabia que o Grêmio tem muita história. Acho que tem elenco para virar tudo que temos agora, não podemos esquecer da história do clube. Muitos jogadores querem vir, não importa a tabela. Só temos que seguir trabalhando e seguro de que vamos virar isso aí", declarou Borja.

Após chegar ao Palmeiras ainda jovem, em 2017, Miguel Borja disse que está seguro para os próximos compromissos e pronto para fazer história com a camisa do Grêmio. “Estou pronto e seguro. Quando cheguei no Palmeiras tinha apenas 23 anos, agora estou mais maduro. Muitas coisas aconteceram na minha vida que me ajudaram a melhorar. Jogo a jogo tem que responder dentro de campo”

Após clubes da Espanha, Argentina e até da Turquia despertarem interesse, o jogador comentou que era um sonho jogar no Tricolor Gaúcho e não deixou a chance escapar.

“Procuraram meu empresário muitos clubes da América e da Europa. Quando ele me falou do Grêmio, falei “Bora”. Não só agora, faz uns dois, três anos que falei para ele que gostaria de jogar no Grêmio. É um clube que tem 3 Libertadores. Estar aqui no Grêmio é um sonho que eu tinha no meu coração”, finalizou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Ronald vê condições do Fortaleza vencer o Palmeiras fora de casa, mas diz que empate "não é tão ruim"

Projeção
15:48 | Ago. 05, 2021
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

O Fortaleza tem uma missão difícil no sábado. Ninguém conseguiu vencer o Palmeiras no Allianz Parque na atual Série A do Brasileiro, da qual o Verdão é líder. E como se isso já não fosse desafiador o bastante, há ainda o fato do Tricolor não vencer o Porco como visitante desde 2005.

O volante Ronald, do Fortaleza, porém, lembrou que nesta mesma edição do Campeonato Brasileiro o Leão já quebrou um tabu contra uma equipe paulista jogando fora de casa. “Eu disse no jogo contra o São Paulo que nós estávamos prontos para fazer história e o grupo está preparado para, novamente, conquistar uma vitória fora de casa diante de uma equipe tão grande quanto o Palmeiras", afirmou, em entrevista coletiva.

Ronald se referiu ao fato do Fortaleza ter batido o São Paulo pela primeira vez na história no Morumbi, no jogo da 12ª rodada. Há, no entanto, diferenças entre os dois adversários. O tricolor paulista fazia uma campanha bem irregular e era o 14º — hoje piorou, é o 17º — e já havia perdido no Morumbi. O Verdão, ao contrário, tem a melhor campanha da Série A e está invicto em casa.

É por isso que o volante do Leão reconhece que, apesar de buscar a vitória, o Fortaleza não se sentirá fracassado se roubar somente um ponto no Allianz Parque. “A gente sempre joga para ganhar, sempre buscando o melhor resultado, mas claro, um empate contra o Palmeiras não é tão ruim. Mas vamos em busca da vitória para conseguir nossos objetivos", garante.

Titular no jogo de volta contra o CRB, pela Copa do Brasil, Ronald diz não saber se vai manter o status para sábado. “Isso aí, deixo para o professor (Vojvoda), que vai analisar o time do Palmeiras e, dentro das características que ele quer para o jogo, vai escalar o time. Tem sido assim até hoje. Todos precisam estar preparados”, disse.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags