PUBLICIDADE
Esportes

Palmeiras perde do Figueirense e vê sonho acabar nas oitavas da Copinha

O sonho de conquistar a Copa São Paulo de forma inédita em 2019 acabou para o Palmeiras na noite desta terça-feira. Jogando na Arena Capivari, o time alviverde viu o Figueirense ser mais eficiente e foi derrotado por 2 a 1, em duelo válido pelas oitavas de final da mais tradicional competição de base do [?]

23:00 | 15/01/2019

O sonho de conquistar a Copa São Paulo de forma inédita em 2019 acabou para o Palmeiras na noite desta terça-feira. Jogando na Arena Capivari, o time alviverde viu o Figueirense ser mais eficiente e foi derrotado por 2 a 1, em duelo válido pelas oitavas de final da mais tradicional competição de base do Brasil.

Campeão em 2018, o Figueirense enfrentará o Guarani nas quartas de final da Copinha. O time campineiro derrotou o Botafogo por 1 a 0 em outro duelo disputado nesta terça-feira. O confronto valendo vaga nas semifinais do torneio ainda não teve data, horário e local confirmados pela Federação Paulista de Futebol.

O Verdão se despede da edição 2019 da Copinha com quatro vitórias e duas derrotas. Já o Figueirense é o único time da competição com seis jogos realizados que mantém 100% de aproveitamento. O Atlético-MG, que encara o Volta Redonda nesta quarta, contabiliza cinco vitórias em cinco partidas.

O Palmeiras começou melhor e quase saiu na frente aos quatro minutos. Após dar um lindo chapéu no marcador, o atacante Guilherme Vieira invadiu a área e bateu para fora. O Figueirense, por sua vez, era perigoso nos contra-ataques. Após bate e rebate na área alviverde, Echaporã pegou a sobra e exigiu boa defesa de Matheus Teixeira.

O Verdão respondeu com o atacante Airton, que desviou cruzamento na primeira trave e viu a bola passar rente ao travessão. Aos 39 minutos, o Figueirense abriu o placar. Em cobrança de falta frontal, mal marcada pelo árbitro, João Diogo bateu forte no canto do goleiro, que não alcançou a bola.

Com duas alterações, o Palmeiras voltou pressionando e assustou aos três minutos, quando Marcus Meloni invadiu a área e bateu para a defesa em dois tempos do goleiro Vinicius. Pouco depois, o lateral direito cobrou falta com categoria e acertou o poste de Vinicius.

Os catarinenses, porém, continuaram levando perigo nos contra-ataques. Em um deles, aos 19 minutos, o meia Bruno recebeu passe na entrada da área e bateu forte e rasteiro. A bola passou entre as pernas de Matheus Teixeira e só parou no fundo do gol.

Em sua última cartada, o técnico Wesley Carvalho promoveu quatro substituições simultâneas. Na base do abafa, o Palmeiras descontou aos 39 minutos, quando Josué aproveitou sobra na pequena área para marcar de cabeça. Nos acréscimos, após cabeçada de Lincon no travessão, Léo Passos completou para as redes, mas o auxiliar assinalou impedimento e acabou com o sonho alviverde.

Gazeta Esportiva

TAGS