PUBLICIDADE
Esportes

Mattos projeta força máxima no 1º Paulista após rusga com FPF

Derrotado pelo Corinthians de maneira polêmica na final do último Campeonato Paulista, o Palmeiras se prepara para participar da edição de 2019 do torneio estadual. De acordo com o diretor de futebol Alexandre Mattos, o time alviverde entrará com força máxima. Insatisfeito com a arbitragem de Marcelo Aparecido, que marcou pênalti de Ralf sobre Dudu [?]

08:15 | 06/01/2019

Derrotado pelo Corinthians de maneira polêmica na final do último Campeonato Paulista, o Palmeiras se prepara para participar da edição de 2019 do torneio estadual. De acordo com o diretor de futebol Alexandre Mattos, o time alviverde entrará com força máxima.

Insatisfeito com a arbitragem de Marcelo Aparecido, que marcou pênalti de Ralf sobre Dudu na final e depois mudou de ideia, o presidente Maurício Galiotte chamou o campeonato de Paulistinha em 2018. Para completar, resolveu romper com a Federação Paulista de Futebol (FPF).

?O Palmeiras vai jogar com o que tem de melhor, até porque é o campeonato que está na frente e também em respeito por sua tradição, torcida e camisa?, disse Mattos, apesar da rusga com a FPF. ?Agora, quem vai escalar, se vai jogar o time A, o time B, se vai jogar jovem, é o professor Felipe?, completou.

No final de novembro, em entrevista à Gazeta Esportiva, Galiotte reiterou o distanciamento da FPF e tratou o Paulista como mera preparação para os outros campeonatos da temporada. ?O torneio regional é pequeno perto dos demais?, afirmou.

Embora tenha falado em disputar o Paulista com força máxima, Mattos criticou o regulamento. A FPF permite a inscrição de apenas 26 jogadores, além de uma lista alternativa com número ilimitado de atletas da base, desde que com 16 anos completos e nascidos até 1998 ? destes, somente cinco podem estar em campo ao mesmo tempo.

?O Palmeiras e as outras equipes, como São Paulo, Corinthians e Santos, vão sofrer. Às vezes, você tem que deixar um ou outro jogador fora durante um mês e meio. Isso não é correto?, disse Mattos. O Palmeiras estreia contra o Red Bull às 19 horas (de Brasília) do dia 20 de janeiro, como visitante.

Gazeta Esportiva

TAGS