STJD mantém dois jogos de suspensão a Mayke e Diogo BarbosaSociedade Esportiva Palmeiras | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


STJD mantém dois jogos de suspensão a Mayke e Diogo Barbosa

O técnico Luiz Felipe Scolari não poderá escalar os laterais Mayke e Diogo Barbosa nas próximas duas rodadas do Campeonato Brasileiro. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julgou novamente os dois atletas do Palmeiras nesta quinta-feira e resolveu manter a pena inicial. Mayke e Diogo Barbosa acabaram expulsos após a eliminação do clube alviverde [?]

19:30 | 01/11/2018

O técnico Luiz Felipe Scolari não poderá escalar os laterais Mayke e Diogo Barbosa nas próximas duas rodadas do Campeonato Brasileiro. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julgou novamente os dois atletas do Palmeiras nesta quinta-feira e resolveu manter a pena inicial.

Mayke e Diogo Barbosa acabaram expulsos após a eliminação do clube alviverde diante do Cruzeiro na semifinal da Copa do Brasil. Ambos estavam liberados para participar do Campeonato Brasileiro amparados por efeito suspensivo e, agora, terão que cumprir os dois jogos de gancho.

A dupla de laterais, portanto, está fora do confronto com o Santos, marcado para as 19 horas (de Brasília) deste sábado, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Allianz Parque. Ambos seguem como desfalques no duelo com o Atlético-MG, previsto para as 17 horas de 11 de novembro, no Independência.

Diogo Barbosa não vivia uma de suas melhores fases e pode ser substituído por Victor Luis. Na lateral direita, a situação é mais complicada, já que Marcos Rocha ainda se recupera de lesão e a improvisação de Jean, mais um que vem de contusão, é a opção mais provável.

A suspensão dos dois laterais aumenta os problemas de Luiz Felipe Scolari para armar o Palmeiras diante do Santos. O meio-campista Moisés precisa cumprir suspensão por acúmulo de cartões amarelos, enquanto o atacante Willian sofreu uma lesão muscular.

Com 63 pontos ganhos, o Palmeiras lidera o Campeonato Brasileiro e tem Flamengo (59), Internacional (58) e São Paulo (56) como seus principais perseguidores na tabela. Eliminado na semifinal da Copa Libertadores, o time alviverde está focado no torneio nacional.

Gazeta Esportiva

TAGS