Dracena relembra gol contra em clássico para defender Felipe Melo: ?Todos erram?Sociedade Esportiva Palmeiras | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Dracena relembra gol contra em clássico para defender Felipe Melo: ?Todos erram?

Felipe Melo é o principal assunto do Palmeiras desde a última quinta-feira. A expulsão do volante com apenas três minutos de jogo diante do Cerro Porteño pautou entrevista de Felipão, causou ?atraso? no treino seguinte e foi assunto em questionamentos a todos os atletas. Curiosamente, outro atleta entre os mais experientes do elenco, Edu Dracena, [?]

08:15 | 01/09/2018

Felipe Melo é o principal assunto do Palmeiras desde a última quinta-feira. A expulsão do volante com apenas três minutos de jogo diante do Cerro Porteño pautou entrevista de Felipão, causou ?atraso? no treino seguinte e foi assunto em questionamentos a todos os atletas. Curiosamente, outro atleta entre os mais experientes do elenco, Edu Dracena, talvez tenha sido quem mais se compadeceu pelo camisa 30, hostilizado nas redes sociais.

?Aqui ninguém vai criticar ninguém. O Felipe é um cara querido por todos. Eu já errei também. Um jogo aqui, contra o São Paulo, eu fiz um gol contra e todo mundo me ajudou e conseguimos ganhar. E a gente também fez isso hoje. Lógico que são jogadas fortes, mas a gente tem que entender, tem que respeitar e não tem que crucificar. É dar parabéns para todo mundo que lutou e conseguiu essa classificação?, afirmou o camisa 3.

No início de junho, o Palmeiras venceu o São Paulo por 3 a 1 no Allianz Parque, de virada, e com o gol visitante sendo anotado por Edu Dracena, que nunca balançou as redes a favor do Verdão ao longo de suas 99 partidas. Após o Choque-Rei, foi justamente Felipe Melo quem mais defendeu o experiente defensor.

?Colocamos o coração na ponta da chuteira. Essa vitória vai para o nosso xerife, que é o Edu Dracena, grande capitão, um grande profissional merece e tudo de bom?, afirmou o volante na ocasião. A vitória e o apoio dos companheiros fizeram com que o zagueiro fosse às lagrimas após o clássico. Ele ainda revelou que havia se emocionado pela última vez em uma partida apenas na conquista do título brasileiro de 2016.

?Lógico que não é fácil jogar com um a menos os 90 minutos, mas isso demonstrou a força do grupo, que o Felipe é um cara querido por todos, mostrou que todo mundo corre pelo outro, luta, se dedica. Então, seria injusto da nossa parte não fazer por onde?, completou o zagueiro, de novo em defesa do companheiro.

Pela expulsão diante do Cerro Porteño, Felipe Melo, juntamente com Deyverson, será julgado pelo Comitê Disciplinar da Conmebol. O julgamento deve acontecer até o final da próxima semana, em Luque, no Paraguai, sede da entidade máxima do futebol sul-americano.

Gazeta Esportiva

TAGS