Invicto e sem sofrer gols, Felipão aponta defeito: ?Bolas paradas?Sociedade Esportiva Palmeiras | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Invicto e sem sofrer gols, Felipão aponta defeito: ?Bolas paradas?

Oito jogos consecutivos sem sofrer gols, sendo cinco vitórias e um empate com Felipão. O aproveitamento excelente, porém, não impede o comandante palestrino de apontar falhas que precisam ser corrigidas para o restante do ano. Com três competições sendo disputadas concomitantemente, Scolari foca na melhora do aproveitamento em jogadas de bola parada. ?Precisamos melhorar o [?]

08:15 | 24/08/2018

Oito jogos consecutivos sem sofrer gols, sendo cinco vitórias e um empate com Felipão. O aproveitamento excelente, porém, não impede o comandante palestrino de apontar falhas que precisam ser corrigidas para o restante do ano. Com três competições sendo disputadas concomitantemente, Scolari foca na melhora do aproveitamento em jogadas de bola parada.

?Precisamos melhorar o índice e nossa qualidade na bola parada. Pênaltis, faltas, que não estamos conseguindo traduzir em gols uma bola que às vezes é muito fácil. É o que temos de melhorar?, afirmou Felipão.

Curiosamente, o Palmeiras marcou gols de bolas paradas nas duas últimas partidas. Contra o Vitória, Dudu cobrou escanteio e Deyverson cabeceou para as redes. Já contra o Botafogo, Lucas Lima fechou o marcador com um golaço de falta.

As faltas cobradas diretas em direção ao gol, aliás, voltaram a ser uma arma palestrina. Na temporada, já são três tentos, e antes da metade de 2018, o jejum no quesito vinha desde fevereiro de 2015. Em compensação, o Verdão vem de uma sequência de cinco pênaltis perdidos. Para piorar, dos 16 últimos, apenas sete foram convertidos.

Tentando colocar o plano de Felipão em prática, o Palmeiras volta a campo neste domingo, em duelo contra o Internacional, às 16h (de Brasília), no Beira-Rio. Para o confronto, Edu Dracena e Dudu estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo e a tendência é de uma equipe mista.

Gazeta Esportiva

TAGS