PUBLICIDADE
Esportes

Melhor visitante do país, Roger explica métodos do Palmeiras

O Palmeiras é o visitante mais indigesto do país. Nesta temporada, nenhuma equipe do futebol brasileiro tem melhor aproveitamento fora de casa e, após bater o Atlético-PR em triunfo que derrubou uma invencibilidade de 17 jogos do Furacão na Arena da Baixada, o técnico Roger Machado explicou a estratégia palestrina. ?A gente se propõe a [?]

09:45 | 07/05/2018

O Palmeiras é o visitante mais indigesto do país. Nesta temporada, nenhuma equipe do futebol brasileiro tem melhor aproveitamento fora de casa e, após bater o Atlético-PR em triunfo que derrubou uma invencibilidade de 17 jogos do Furacão na Arena da Baixada, o técnico Roger Machado explicou a estratégia palestrina.

?A gente se propõe a manter o zero no placar. Mantendo o zero no placar, como visitante, você vai jogando a pressão para o adversário conforme o tempo vai rolando. Você vai tendo mais espaço para jogar, organizar suas ações ofensivas. Jogando como visitante, dificilmente a torcida vai permitir que a equipe adversária jogue recuada, aí vai surgir espaço para a gente?, disse o treinador.

O Palmeiras soma 83% de aproveitamento longe do Allianz Parque (e Pacaembu) este ano. Na segunda colocação neste quesito, o Flamengo tem 67% de aproveitamento. No momento, o Verdão está na metade de uma sequência de quatro duelos fora de casa.

Após vencer Alianza Lima, pela Libertadores, e Atlético-PR, pelo Brasileiro, vai jogar contra América-MG, pela Copa do Brasil, e Corinthians, novamente pelo Brasileirão. A notícia é positiva, uma vez que em casa, o aproveitamento palmeirense é de ?apenas? 62%.

?Jogando em casa a gente tem pressionado os adversários, tem feito bons jogos também, mas por vezes o sistema defensivo bem montado não permite que a gente consiga vencer. A estratégia jogando fora não difere muito de quando é em casa. Em casa precisamos propor o jogo, os espaços para o adversário vão aparecer, e algumas vezes podem ser bem prejudiciais?, completou.

Gazeta Esportiva

TAGS