PUBLICIDADE
Esportes

CBF nega pedido de adiamento de jogo do Sport contra o Palmeiras

Palmeiras e Sport irão se enfrentar neste sábado, às 19h (de Brasília), no Allianz Parque. Na noite desta quinta-feira, véspera da partida, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) negou o pedido do Leão para alterar a data do confronto com o Verdão. ?Faltou sensibilidade por parte da CBF. O certo mesmo é que toda a [?]

20:00 | 25/05/2018

Palmeiras e Sport irão se enfrentar neste sábado, às 19h (de Brasília), no Allianz Parque. Na noite desta quinta-feira, véspera da partida, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) negou o pedido do Leão para alterar a data do confronto com o Verdão.

?Faltou sensibilidade por parte da CBF. O certo mesmo é que toda a rodada fosse adiada. É uma crise nacional que afeta todo mundo. Teremos algumas horas para descansar de uma viagem longa e logo em seguida entrar em campo?, disse o vice-presidente rubro-negro, Guilherme Beltrão, à Folha de Pernambuco.

A sexta-feira começou a apresentar problemas na programação do Sport logo após o treino realizado pela manhã. O clube tinha um voo previsto para às 13h25 direto para São Paulo. No entanto, o embarque acabou adiado para as 16h e ainda ganhou uma escala em Salvador.

Na noite desta quinta-feira, o governo federal anunciou um acordo com os caminhoneiros para suspender os protestos por 15 dias. Ainda assim, a greve segue nesta sexta e já completa seu quinto dia consecutivo.

O aeroporto de Recife está sem combustível, mas o Sport deve conseguir chegar em São Paulo na noite desta sexta-feira. Isso não significa, porém, que a situação ficará tranquila. O prefeito da capital paulista, Bruno Covas, declarou estado de emergência, o que pode evoluir para estado de calamidade pública e gerar feriados municipais. Alimentos e gás já começaram a ser racionados e até a coleta de lixo está suspensa na maior cidade do país.

Gazeta Esportiva

TAGS