PUBLICIDADE
Esportes

Amaral relembra Mundial de 2000 e exalta atuação de Cássio

No programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, o ex-jogador Amaral relembrou o Mundial de Clubes do ano de 2000 para ilustrar a conquista do Corinthians em cima do Palmeiras no último domingo, em pleno Allianz Parque, na grande decisão do Campeonato Paulista. Para Amaral, a qualidade do elenco palestrino remeteu ao time do Vasco no ano da [?]

09:15 | 09/04/2018

No programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, o ex-jogador Amaral relembrou o Mundial de Clubes do ano de 2000 para ilustrar a conquista do Corinthians em cima do Palmeiras no último domingo, em pleno Allianz Parque, na grande decisão do Campeonato Paulista.

Para Amaral, a qualidade do elenco palestrino remeteu ao time do Vasco no ano da conquista do título mundial pelo Timão. Naquela partida, a equipe do Parque São Jorge empatou com os cruzmaltinos no tempo regulamentar por 0 a 0 e, nas penalidades máximas, garantiu a conquista do Mundial de Clubes da Fifa.

?Passou um filme para mim quando foi para os pênaltis. Conversei com o Vampeta: em 2000, a gente tinha aquela seleção do Vasco e o Corinthians empatou no Mundial de Clubes e foi para os pênaltis. Vi que o Cássio tava muito tranquilo, e ele é grande, o gol fica pequenininho?, relembrou o ex-jogador.

Amaral também comentou a perda do Campeonato Paulista pelo Palmeiras. Jogando em casa, os comandados de Roger Machado assistiram o elenco do Timão celebrar o título.

?Só que é duro perder um título dentro de casa, onde tem 40 mil pessoas, fica marcado. Palmeiras tomou um gol com dois minutos e acho que faltou uma pessoa que chegasse e falasse ?gente, está igual agora, vamos jogar, fazer o gol'?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS
Amaral relembra Mundial de 2000 e exalta atuação de CássioSociedade Esportiva Palmeiras | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes

Amaral relembra Mundial de 2000 e exalta atuação de Cássio

No programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, o ex-jogador Amaral relembrou o Mundial de Clubes do ano de 2000 para ilustrar a conquista do Corinthians em cima do Palmeiras no último domingo, em pleno Allianz Parque, na grande decisão do Campeonato Paulista. Para Amaral, a qualidade do elenco palestrino remeteu ao time do Vasco no ano da [?]

09:15 | 09/04/2018

No programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, o ex-jogador Amaral relembrou o Mundial de Clubes do ano de 2000 para ilustrar a conquista do Corinthians em cima do Palmeiras no último domingo, em pleno Allianz Parque, na grande decisão do Campeonato Paulista.

Para Amaral, a qualidade do elenco palestrino remeteu ao time do Vasco no ano da conquista do título mundial pelo Timão. Naquela partida, a equipe do Parque São Jorge empatou com os cruzmaltinos no tempo regulamentar por 0 a 0 e, nas penalidades máximas, garantiu a conquista do Mundial de Clubes da Fifa.

?Passou um filme para mim quando foi para os pênaltis. Conversei com o Vampeta: em 2000, a gente tinha aquela seleção do Vasco e o Corinthians empatou no Mundial de Clubes e foi para os pênaltis. Vi que o Cássio tava muito tranquilo, e ele é grande, o gol fica pequenininho?, relembrou o ex-jogador.

Amaral também comentou a perda do Campeonato Paulista pelo Palmeiras. Jogando em casa, os comandados de Roger Machado assistiram o elenco do Timão celebrar o título.

?Só que é duro perder um título dentro de casa, onde tem 40 mil pessoas, fica marcado. Palmeiras tomou um gol com dois minutos e acho que faltou uma pessoa que chegasse e falasse ?gente, está igual agora, vamos jogar, fazer o gol'?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS