PUBLICIDADE
Esportes

Dracena e D. Barbosa retornam, mas Roger não dá margem para mudança

Na última quarta-feira, Edu Dracena fez sua estreia na temporada ao atuar o segundo tempo da vitória por 5 a 0 sobre o Novorizontino. Apesar do retorno depois de pré-temporada estendida e de lesão no quadril, o zagueiro ainda não deverá ganhar espaço na equipe titular do Palmeiras. ?O Edu está voltando do período de [?]

08:15 | 24/03/2018

Na última quarta-feira, Edu Dracena fez sua estreia na temporada ao atuar o segundo tempo da vitória por 5 a 0 sobre o Novorizontino. Apesar do retorno depois de pré-temporada estendida e de lesão no quadril, o zagueiro ainda não deverá ganhar espaço na equipe titular do Palmeiras.

?O Edu está voltando do período de condicionamento, entrou pela primeira vez, estreou bem e é um jogador que dá uma grande experiência para o setor defensivo. Tudo pode acontecer dependendo da necessidade. Mas nesse momento vejo nosso setor defensivo em um grande momento. Ter jogadores experientes me dá a condição de mexer à medida que seja interessante. Mas não vejo nesse momento a necessidade de mudar o sistema defensivo?, declarou Roger Machado, treinador do Palmeiras.

O comandante palestrino ainda analisou a situação do lateral-esquerdo Diogo Barbosa, que chegou com status de titular, mas perdeu espaço para Victor Luís após se lesionar em amistoso na pré-temporada. O jogador de 25 anos ainda não vestiu a camisa do Verdão em partidas oficiais.

?(A situação do Diogo Barbosa) segue a mesma linha da (situação do) Edu. São jogadores que naturalmente se qualificam pela sua capacidade de se tornarem peças importantes dentro do coletivo com características diferentes dos que vem jogando. Hoje temos um equilíbrio muito bom porque o Victor Luís compõe muito bem a linha quando o Rocha vai para o ataque?, declarou Roger antes de salientar que ninguém é titular absoluto.

?As disputas estão sempre abertas em todas as posições, mas tenho que ser coerente e oferecer continuidade aos que estão atuando bem. A necessidade vai me dar o tom de quando e quanto tempo esses jogadores vão ter oportunidade e, se atuarem bem, vão continuar?.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS