PUBLICIDADE
Esportes

Keno, Dudu e Guerra: trio é assediado, mas Palmeiras segura

Além de comentar possíveis novos reforços para o Palmeiras, Alexandre Mattos também abordou a saída de jogadores nesta quinta-feira. Questionado sobre Keno, Guerra e Dudu, assediados por clubes do exterior, o dirigente prometeu segurar o trio. ?Não recebemos nenhuma proposta, a não ser uma da China pelo Dudu, que não vai sair. Anteontem chegou uma [?]

22:15 | 18/01/2018

Além de comentar possíveis novos reforços para o Palmeiras, Alexandre Mattos também abordou a saída de jogadores nesta quinta-feira. Questionado sobre Keno, Guerra e Dudu, assediados por clubes do exterior, o dirigente prometeu segurar o trio.

?Não recebemos nenhuma proposta, a não ser uma da China pelo Dudu, que não vai sair. Anteontem chegou uma contraproposta de novo do mesmo time. Perguntei para o Dudu e ele disse que quer ficar?, afirmou.

O clube chinês interessado em Dudu é o Changchun Yatai, que já fez ao menos quatro tentativas de contratar o atacante alviverde. As ofertas já ultrapassam os R$ 50 milhões, mas o Verdão não tem interesse em negociar seu capitão e não estipula um preço pelo camisa 7.

Já Guerra e Keno receberam sondagens de clubes do exterior. O venezuelano foi alvo do Atlético Nacional-COL, seu ex-clube, e do futebol chinês, enquanto o atacante está na mira do Al Nassr, da Arábia Saudita.

Não chegou nenhuma proposta pelo Keno, pode chegar amanhã, mas até agora não chegou. Nem o empresário dele me ligou. Não tem proposta pelo Guerra?, completou.

Para esta temporada, o Palmeiras contratou seis atletas. Além de Lucas Lima e Marcos Rocha, que estrearam nesta quinta-feira, vieram o lateral o Diogo Barbosa, o zagueiro Emerson e o meia Gustavo Scarpa.

Gazeta Esportiva

TAGS