PUBLICIDADE
Esportes

Ídolo do Inter, Guiñazú é eleito melhor volante do Campeonato Argentino

Próximo de completar 40 anos, em agosto, Pablo Guiñazú foi eleito o melhor volante do Campeonato Argentino da temporada 2017-2018, em premiação realizada na última sexta-feira. El Cholo foi um dos principais responsáveis por garantir o retorno do Talleres à disputa de uma Libertadores após 17 anos. A equipe terminou na quinta colocação da competição [?]

17:15 | 28/07/2018

Próximo de completar 40 anos, em agosto, Pablo Guiñazú foi eleito o melhor volante do Campeonato Argentino da temporada 2017-2018, em premiação realizada na última sexta-feira. El Cholo foi um dos principais responsáveis por garantir o retorno do Talleres à disputa de uma Libertadores após 17 anos. A equipe terminou na quinta colocação da competição nacional.

Guiñazú retornou ao Talleres no final de 2015 para encerrar a carreira no seu clube de coração e também como uma homenagem para seu pai, que faleceu no início daquele ano e era apaixonado pelo time de Córdoba. Em 2016 foi o responsável pelo gol do título e do acesso do clube, após 12 anos longe da elite nacional. Na temporada seguinte, como capitão e líder, conduziu o clube a uma excelente campanha na primeira divisão.

No Brasil, o argentino passou pelo Internacional e pelo Vasco da Gama. No Colorado disputou 282 partidas e fez quatro gols, sendo um dos pilares da conquista da Libertadores em 2010 e da Sul-Americana em 2008 pelo clube. Além disso conquistou quatro Gaúchos e uma Recopa Sul-Americana. Com o Cruzmaltino teve um excelente início, mas acabou caindo de rendimento. Mesmo assim conquistou dois Cariocas com o time de São Januário, em 94 partidas.

Além dos clubes brasileiros, tem passagens pelo Libertad, do Paraguai, Independiente e Newellâ??s Old Boys, ambos da Argentina. O volante é sempre lembrado por sua raça e entrega dentro das quatro linhas.

O Talleres volta a campo na próxima terça-feira quando enfrenta o Ferrocarril Midland pela Copa da Argentina, às 21h10 (de Brasília), no Estádio Mario Alberto Kempes.

Confira a lista completa da premiação:

Melhor goleiro: Franco Armani (River Plate)

Melhor defensor: Alejandro Donatti (Racing)

Melhor volante: Pablo Guiñazú (Talleres de Córdoba)

Melhor jogador: Cristian Pavón (Boca Juniors)

Melhor treinador: Frank Kudelka (Talleres de Córdoba)

Revelação: Lautaro Martínez (Racing)

Artilheiro: Santiago â??Morroâ? García (Godoy Cruz)

Gol mais bonito: Edwin Cardona (Boca Juniors)

Melhor defesa: Gonzalo Rehak (Independiente)

Prêmio de homenagem: Daniel Montenegro (Huracán)

Gazeta Esportiva

TAGS