PUBLICIDADE
Esportes

Corinthians supera o Grêmio e completa semifinais da Copinha

  O Corinthians mostrou toda a sua força na Copa São Paulo de Futebol Júnior na noite desta sexta-feira, na Arena Barueri. Contando com mais uma grande presença da torcida (23.543 pessoas) no estádio da Grande São Paulo, o Alvinegro foi superior ao Grêmio durante toda a partida e assegurou a vitória por 2 a [?]

22:30 | 18/01/2019

 

O Corinthians mostrou toda a sua força na Copa São Paulo de Futebol Júnior na noite desta sexta-feira, na Arena Barueri. Contando com mais uma grande presença da torcida (23.543 pessoas) no estádio da Grande São Paulo, o Alvinegro foi superior ao Grêmio durante toda a partida e assegurou a vitória por 2 a 1, com gols marcados pelo meia Fabrício Oya e pelo centroavante Nathan. Rildo, de pênalti, descontou.

O primeiro tempo dos corintianos resumiu a intensidade imposta pelo clube quando atua com tamanho comparecimento da Fiel no torneio sub-20. Fabrício Oya perdeu chance clara aos três minutos, chutando por cima do gol, mas se redimiu ao interceptar tentativa de lançamento na saída de bola e ver a bola encobrir o goleiro gremista, que tentou encaixar e acabou levando o gol.

O Timão não diminuiu o ritmo e poderia ter ampliado o placar em outras cinco oportunidades até o intervalo. Na mais clara, Rafael Bilu pegou sobra de chute de Roni e, mesmo com o goleiro Chapecó batido, mandou para fora. Na última, Roni saiu cara a cara com o goleiro, mas foi desarmado quando tentou driblar o adversário.

Os donos da casa voltaram para o segundo tempo determinados a decidir a parada, mas seguiram desperdiçando oportunidades. Até que Fabrício Oya arriscou de fora da área, a bola desviou na zaga e foi para escanteio. Na cobrança, o próprio Oya bateu e Nathan subiu mais alto que a defesa adversária para marcar o segundo e ampliar a vantagem.

Quando tudo parecia decidido, porém, Léo Chu invadiu a área corintiana, cortou Jordan e caiu. O juiz viu pênalti do corintiano, muito bem batido por Rildo, diminuindo a desvantagem aos 29 minutos. O Timão balançou a rede pouco depois, mais uma vez com Nathan aproveitando cruzamento de Oya, mas o centroavante estava impedido no momento do passe.

Os momentos finais mostraram um Corinthians aparentemente ansioso com o final do jogo, fazendo com que o técnico Eduardo Barroca, normalmente ofensivo, tirasse Bilu para colocar o zagueiro Franklin, fechando o time para assegurar o 2 a 1. Seu time agora encara o Vasco na semifinal, em data a definir. Do outro lado, São Paulo e Guarani definem a outra vaga na decisão.

Gazeta Esportiva

TAGS