Participamos do

Yago Pikachu comemora primeiro gol marcado diante da torcida do Fortaleza

No Fortaleza desde março de 2021, jogador avaliou que o Leão foi superior ao Grêmio durante os 90 minutos, elogiou coletividade do elenco Tricolor e pontuou que meta principal no Brasileirão é "se manter entre os quatro primeiros"
23:02 | Out. 13, 2021
Autor Iara Costa
Foto do autor
Iara Costa Repórter do caderno de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Autor do gol do Fortaleza na vitória por 1 a 0 diante do Grêmio, Yago Pikachu, que chegou no Pici em março de 2021, teve nesta quarta-feira, 13, a oportunidade de comemorar pela primeira vez um gol na presença da torcida do Leão. Na saída de campo, o jogador celebrou a felicidade que levou aos torcedores pelo gol e pela vitória. 

"É sempre importante estar marcando e estar vencendo, independente de quem faça o gol. A gente vinha deixando a desejar, principalmente jogando dentro de casa. Eram quatro ou cinco partidas que a gente não vencia e nem fazia gols diante do nosso torcedor. Estou feliz pela vitória e por voltar a marcar. É sempre importante, principalmente diante do torcedor", pontuou.

Em entrevista, ele também agradeceu ao empenho do elenco treinado por Vojvoda e fez a avaliação do embate. "Agradeço a todos pelo empenho e pela dedicação. Foi um jogo difícil. Acredito que a gente foi superior ao adversário, mesmo respeitando a equipe tradição que é o Grêmio. Desde o primeiro tempo a gente buscou o gol. O goleiro deles fez várias defesas. A gente lutou do primeiro ao último minuto atrás dessa vitória e, graças a Deus, hoje ela veio", disse o jogador.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Para ele, o vitória deu ao time "tranquilidade para jogar fora de casa e buscar pontos também". Na próxima rodada, o Fortaleza joga diante da Chapecoense, fora de casa, e Pikachu salienta que o Tricolor do Pici irá jogar fora de casa em busca de somar pontos para seguir com a meta de ficar entre os quatro primeiros colocados na tabela. 

"A gente sabe que o campeonato é longo. Fazia seis jogos que a gente não vencia. É importante estar vencendo e a gente quer se manter entre os quatro primeiros como a gente fez durante toda a competição. Não é agora que a gente quer ficar fora. Agora temos 12 decisões para a gente conseguir o objetivo de ficar entre os quatro", falou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags