Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Tinga cita tropeço em partida anterior para alertar jogo difícil entre Fortaleza e Corinthians

A instabilidade pela qual o Timão passa na Série A do Brasileiro não gera ilusão nos jogadores do Fortaleza e o lateral-direito acredita em um duelo complicado.
21:15 | Dez. 01, 2020
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O empate insosso contra o lanterna da Série A em pleno Castelão na semana passada ficou de lição para os jogadores do Fortaleza. “A gente tem o exemplo do nosso jogo anterior, contra o Goiás. Fizemos um jogo abaixo no primeiro tempo, no segundo tentamos jogar como a gente sempre faz e não conseguimos o resultado. A gente não pode mais menosprezar ninguém”, alerta Tinga.

Em coletiva realizada na véspera da partida contra o Corinthians, que acontece nesta quarta-feira, 2, no Castelão, o lateral-direito do Tricolor garantiu uma Fortaleza ligado desde o apito inicial. “Tem que estar a 110 (km) por hora do começo ao fim, porque todos os jogos vão ser difíceis, ainda mais que nesse segundo turno, em que todo mundo quer pontuar", avalia.

A instabilidade pela qual o Timão passa na Série A do Brasileiro não gera ilusão nos jogadores do Fortaleza e Tinga acredita em um duelo complicado. "Sabemos da força do Corinthians. Claro, não estão passando por um bom momento, mas é o Corinthians, sabemos da dificuldade que é jogar contra eles. Jogamos ano passado com muita dificuldade e esse ano conseguimos empate no primeiro turno. Então é se dedicar ao máximo. Amanhã (quarta) vai ser uma luta, uma guerra, a gente precisa desses três pontos para ficar na primeira parte da tabela", disse o camisa 2 do Tricolor.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Leão e Timão têm a mesma pontuação (29 pontos), mas os paulistas perdem no saldo de gols. As duas equipes possuem, hoje, o mesmo objetivo, que se afastar cada vez mais da zona de rebaixamento e figurar na primeira página da classificação, por isso trata-se de um confronto direto.

Para a partida, Marcelo Chamusca não conta com Wellington Paulista, Gabriel Dias e Marlon, todos cumprindo protocolo de recuperação da Covid-19. O zagueiro Paulão, no entanto, está curado e já é uma opção. Já o Corinthians não terá os zagueiros Jemerson, por conta do novo coronavírus e Bruno Méndez, que pegou gancho no STJD. Boselli não veio com a delegação e também está fora.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags