PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Futebol feminino: Fortaleza estreia no Brasileirão A-2 diante do São Valério-TO

Equipes se enfrentam na próxima terça-feira, 20, às 15 horas, no estádio Raimundão, em Caucaia. Partida será transmitida pela plataforma MyCujoo.

Iara Costa
18:33 | 19/10/2020
Jogos do time feminino do Fortaleza serão mandados no estádio Raimundão, em Caucaia (Foto: Fortaleza EC/ Divulgação)
Jogos do time feminino do Fortaleza serão mandados no estádio Raimundão, em Caucaia (Foto: Fortaleza EC/ Divulgação)

28 dias após o recomeço dos treinos, o time feminino do Fortaleza irá voltar a jogar uma partida oficial. Nesta terça-feira, 20, às 15 horas, as Leoas recebem o São Valério-TO em partida realizada no estádio Raimundão, em Caucaia. O jogo é válido pela 1ª rodada da primeira fase do Campeonato Brasileiro A-2, cujo qual o Tricolor do Pici não havia disputado ainda em função da pandemia do novo coronavírus, que adiou todo o calendário esportivo no Brasil em março deste ano. 

Leia também: A realidade do futebol feminino do Estado na retomada de atividades

A pandemia do novo coronavírus afetou financeiramente o Leão, mas os valores voltados para a modalidade não foram alterados. Apesar disso, o Tricolor do Pici encerrou contrato com todas as jogadoras durante a paralisação. Ao ver o cenário se estabilizando para o retorno do Campeonato Brasileiro A-2, o clube recontratou metade das jogadores e assinou com atletas de Iranduba-AM, Osaco Audax-SP e São José-SP para compor o elenco que hoje conta com 23 atletas.

Todas elas têm recebido o salário em dia e retomaram os treinamentos no último dia 22 de setembro após testarem negativo para o novo coronavírus.

Comandante do time feminino do Leão, o técnico Igor Cearense acredita que o time evoluiu durante o mês de treinamento e que deve fazer uma boa estreia. “(As jogadoras) estão bem preparadas e bem treinadas. Taticamente, evoluíram bastante, as atletas entenderam o meu trabalho, como eu gosto como a equipe joga: bem postada, organizada taticamente e rápida. Fico muito feliz como a equipe foi montada, pelo projeto ao longo prazo e tenho certeza que a nação tricolor vai ter muito orgulho de um time que está cada dia buscando o melhor conjunto e a melhor formação”, exaltou o treinador.

Leia também: Bélgica, Alemanha e Holanda querem sediar Mundial Feminino de 2027

O adversário tocantinense tem um tempo semelhante de preparação. De acordo com o presidente do clube, Paulo Félix, as atividades realizadas no mês de treinamento foram focadas em resgatar a resistência das jogadoras e melhorar o desenvolvimento técnico delas. O São Valério-TO chega para a partida com o reforço de seis novas atletas contratadas no pós-pandemia. 

O duelo será transmitido pela CBF TV na plataforma MyCujoo.