PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
Noticia

MPCE cobra esclarecimentos de Fortaleza e Castelão sobre suposta quebra de protocolo sanitário

Após reunião realizada na manhã desta quarta-feira, 23, órgão decidiu que Leão e administração do estádio precisam prestar explicações sobre episódio ocorrido em jogo contra o Internacional

Victor Hugo Pinheiro
16:02 | 23/09/2020
 Fortaleza x Internacional, na Arena Castelão, pelo Campeonato Brasileiro, pela 11ª rodada (Foto: Aurelio Alves/ O POVO)
Fortaleza x Internacional, na Arena Castelão, pelo Campeonato Brasileiro, pela 11ª rodada (Foto: Aurelio Alves/ O POVO)

Por meio do Núcleo do Desporto e Defesa do Torcedor (Nudtor), o Ministério Público do Estado (MPCE) emitiu ofício ao Fortaleza e à Arena Castelão solicitando esclarecimentos sobre suposta quebra de protocolo sanitário na partida entre o Tricolor e o Internacional-RS, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Depois do jogo, dirigente do Colorado acuso o Leão de ter permitido a entrada de torcedores no estádio.

O clube e a administração do Castelão terão um prazo de dez dias para responder às solicitações feitas pelo Nudtor sobre a situação.

A acusação da suposta presença de torcedores foi feita por Alexandre Barcelos, vice-presidente de futebol do Internacional, após o fim da partida. "Não jogamos bem e perdemos. Aliás, infelizmente a arbitragem hoje foi ruim, para não dizer mais. O pênalti foi pênalti, no mínimo igual ao pênalti do Rodinei, a arbitragem foi ao VAR e tomou uma pressão aqui. Um jogo sem coordenação maior da CBF. Tinha mais de 80 pessoas nas arquibancadas, e isso é inadmissível".

Em nota oficial, o Tricolor se defendeu das acusações e afirmou que está seguindo as normas indicadas pelo protocolo.

O Fortaleza Esporte Clube vem cumprindo com todo o protocolo estabelecido pela CBF em dia de jogos. Reiteramos ainda que seguimos rigorosamente o protocolo do Governo do Estado, além das diretrizes da CBF, com o acompanhamento direto da diretoria responsável. A relação com todos que trabalham em dia de jogos é enviada para a CBF e conferida atentamente na checagem que acontece na Arena Castelão para a distribuição dos crachás de acesso.

Além da solicitação feita a Fortaleza e Arena Castelão, o MPCE também vai emitir ofício para apurar dados técnicos sobre a condição do gramado do estádio. A reunião teve a participação do coordenador do Nudtor, promotor de Justiça Edvando França; do membro do Nudtor, promotor de Justiça José Aurélio da Silva; do secretário do Esporte e Juventude do Ceará, Rogério Nogueira; e do coordenador da Arena Castelão, Eduardo Santos.