PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Decisivo nos pênaltis, Felipe Alves exalta trabalho da análise de desempenho: "Deixam tudo mais fácil"

Arqueiro do Tricolor fez defesas importantes no tempo normal e defendeu a cobrança de Patric nas penalidades

Victor Hugo Pinheiro
18:54 | 25/07/2020
Felipe Alves saiu como herói nas quartas de final do Nordestão (Foto: Bruno Oliveira / FortalezaEC)
Felipe Alves saiu como herói nas quartas de final do Nordestão (Foto: Bruno Oliveira / FortalezaEC)

O goleiro Felipe Alves é conhecido como "Homem de Gelo" pelos torcedores do Fortaleza. Diante do Sport, pelas quartas de final da Copa do Nordeste, o arqueiro deu mais uma demonstração da sua frieza na meta do Tricolor. Com pelo menos duas defesas difíceis no tempo normal, ele foi fundamental também na disputa de pênaltis, vencida pelo Leão do Pici, por 4 a 1. Logo na primeira batida de Patric, o camisa 12 pulou no canto certo e evitou o gol dos pernambucanos. Após o jogo, dividiu o mérito com a comissão técnica.

"A tranquilidade ajuda bastante. Hoje em dia, temos o pessoal da análise de desempenho, que faz um ótimo trabalho nos bastidores, e acaba facilitando muito para nós. Não é uma ciência exata. Tenho que dar os parabéns a eles, pois deixam tudo mais fácil, o que faz toda a diferença nas cobranças de pênaltis. Além disso, também parabenizo para todo o time", afirmou ao canal Live FC.

Titular do Fortaleza desde o ano passado, Felipe Alves tem um bom histórico de defender cobranças de pênaltis. No Campeonato Brasileiro, foram duas defesas de penalidade em um jogo contra o Atlético-MG, que acabou no placar de 2 a 2. O Homem de Gelo pegou a primeira batida de Alerrandro, que foi anulada pelo arbitragem. Na sequência, evitou também o tento de Luan na marca da cal.

Este ano, também pela Copa do Nordeste, o arqueiro salvou o Leão no Clássico-Rei. Aos 46 do segundo tempo, defendeu o pênalti batido por Vina, o que sacramento o empate em 1 a 1.

Aos 32 anos, Felipe Alves é titular absoluto do técnico Rogério Ceni. Ao todo, disputou 58 jogos pelo Tricolor, sendo 15 este ano e 43 na temporada passada.