PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Após eliminação na Sula, Fortaleza bate o Barbalha por 4 a 2 no Campeonato Cearense

Tricolor venceu a Raposa e assumiu a vice-liderança do Estadual com nove pontos, ficando apenas um ponto atrás do líder Guarany de Sobral

Lucas Mota
18:03 | 01/03/2020
Jogadores do Fortaleza comemoram no Presidente Vargas
Jogadores do Fortaleza comemoram no Presidente Vargas (Foto: Fábio Lima / O POVO)

Para quem esperava uma partida fácil, se enganou. O Fortaleza voltou a campo neste domingo, 1º, após a eliminação na Sul-Americana e bateu o lanterna do Campeonato Cearense, o Barbalha, por 4 a 2 em duelo movimentado no estádio Presidente Vargas. O Tricolor chegou a sair atrás e só conseguiu consolidar o placar no segundo tempo.

Com o triunfo, o Leão subiu para a vice-liderança do Estadual com nove pontos, ultrapassando o Ceará e ficando a um ponto do líder Guarany de Sobral. Os gols do Fortaleza foram marcados por Wellington Paulista, Carlinhos, Tinga e Nenê Bonilha, enquanto o Barbalha fez com Guidio e Cleber.

Como esperado, o Fortaleza controlou a posse de bola desde o início do jogo e tinha situação confortável para a trabalhar as jogadas ofensivas, diante do posicionamento recuado do Barbalha. Entretanto, a Raposa surpreendeu e movimentou o marcador aos cinco minutos do primeiro tempo, silenciando o Presidente Vargas.

Em bobeada de Nenê Bonilha, a equipe do Interior armou contra-ataque rápido com a defesa do Leão desarrumada e balançou as redes com Guidio.

Na desvantagem, os comandados de Rogério Ceni seguiram com a mesma postura, tendo o controle do jogo. Apesar disso, encontrava dificuldades para achar oportunidades limpas com o esquema defensivo do Barbalha, montado no 4-1-4-1. As principais chances do Leão saiam de fora da área.Foi quando o escrete tricolor invadiu a área após bela triangulação. O meia-atacante Marlon acabou derrubado dentro da área e a árbitra Amarília Sampaio apitou pênalti, aos 18 minutos. Na cobrança, Wellington Paulista parou no goleiro Sérgio.

Mas o camisa 9 do Leão se redimiu. Dezesseis minutos após desperdiçar a penalidade, o centroavante desviou chute de Juninho para empatar a partida. Quando parecia que o empate persistiria, Carlinhos surgiu na área após bicicleta de Wellington Paulista para cabecear para o fundo das redes, concretizando a virada e dando números finais no primeiro tempo.

Para a segunda etapa, Rogério Ceni lançou Romarinho no lugar de Juninho para ganhar velocidade no setor ofensivo e ampliar o placar. Mas assim como na primeira etapa, o Barbalha começou ligado na partida e deixou tudo igual logo aos cinco minutos.

O centroavante Cleber recebeu lançamento longo de Tiago e disparou, ficando frente a frente com o goleiro Felipe Alves. O camisa 9 teve tranquilidade para tirar do arqueiro tricolor e empatar a peleja. Com o gol, ele chegou a sete no Estadual e virou o artilheiro isolado da competição.

O Leão reagiu rápido e marcou dois gols num intervalo de dez minutos após sofrer o empate, encaminhando a vitória no PV. Tinga, de cabeça, fez o terceiro da equipe do Pici. Na sequência, Nenê Bonilha arriscou de fora da área e guardou no fundo das redes, selando o triunfo tricolor.

Campeonato Cearense 2020

Fortaleza - 4

4-2-4: Felipe Alves; Tinga, Quintero, Paulão e Carlinhos; Juninho (Romarinho) e Nenê Bonilha; Marlon, Wellington Paulista, Ederson (David) e Madson (Derley). Téc: Rogério Cenio

Barbalha - 2

4-4-2: Sérgio; Denis, Darlan, Leone e Erivelton; Da Silva, Guidio (Isau) Diego Clemente e Thiago (Marwin); Stenio (Dagson) e Cleber.  Téc: João Severo

Local: Presidente Vargas

Data: 1°/3/2020

Horário: 16 horas

Árbitro: Amarília Sampaio (CE)

Assistentes: Nailton Oliveira (CE) e Cleberson Leite (CE)

Cartão vermelho: João Bala (auxiliar do Barbalha)

Gols: 5MIN/1T - Guidio; 34MIN/1T - W. Paulista; 46MIN/1T - Carlinhos; 5MIN/2T - Cleber; 11MIN/2T - Tinga; 15MIN/2T - Nenê Bonilha

Público: 11.433

Renda Bruta: R$ 42.523,00

Renda Líquida: R$ -9.232,21