PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Ceni revela conversa com Marcelo Paz sobre permanência, mas avisa: "prefiro decidir com calma"

O técnico ainda não deu nenhum ultimato sobre sua permanência; último contrato de Ceni com Fortaleza foi firmado até o final de 2019

20:19 | 08/12/2019
Rogério Ceni, técnico do Fortaleza e mosaico da torcida do Fortaleza. Fortaleza X Ceará - Campeonato Brasileiro Série A - Estádio Castelão
Rogério Ceni, técnico do Fortaleza e mosaico da torcida do Fortaleza. Fortaleza X Ceará - Campeonato Brasileiro Série A - Estádio Castelão (Foto: JÚLIO CAESAR)

Terminada a Série A do Campeonato Brasileiro de 2019 para Fortaleza, um dos assuntos mais comentados pelo torcedor do Fortaleza é: o Rogério Ceni fica ou não? O técnico ainda não deu nenhum ultimato sobre o assunto, mas revelou uma conversa com o presidente Marcelo Paz, que ocorreu no último sábado, 7.

"Ontem conversamos pela primeira vez pois ele me apresentou o projeto para 2020 e como temos combinado, que teria cinco ou seis dias para dar resposta ao Fortaleza. Sei do carinho do torcedor, mas acho que hoje a gente constrói e deixa uma grande história. Não é fácil se manter ganhando, ainda mais pelo terceiro ano seguido", revelou o técnico, que disse ainda que "No mais tardar até sexta-feira terei a definição". 

"Presidente me passou o orçamento, jogadores que temos, o que poderemos gastar, condições de trabalho, campo novo no CT da base, mas deve ficar pronto no fim de fevereiro, término nas obras do Pici e para que possamos oferecer melhores condições para os atletas. Isso que foi conversado. Prefiro decidir com calma", salientou Ceni.

Questionado sobre o que o faria ir ou ficar, Rogério Ceni negou que sua motivação seja o lado financeira. "Primeiro, Não vou embora ou fico pela parte financeira. Segundo que fico muito contente (ao ouvir a torcida gritar pela permanência), pois não é fácil ter relação treinador-torcida com uma parte tão calorosa. Não esperava chegar a 53 pontos, mas esses caras mostraram que tem alto poder de concentração e acaba como a melhor equipe do nordeste tem um valor muito grande. É para se colocar a mão na consciência, pois será difícil repetir um ano desses", frisou.

Com 111 jogos no comando do Fortaleza, Rogério Ceni afirmou ainda que está pensando com calma em qual decisão irá tomar. "Algumas coisas que a gente tem na cabeça, decisões futuras, onde você quer chegar um dia. Sei da grandeza do clube, estamos em uma equipe com referência, vamos pensar com calma. Não posso responder de imediato. Tenho pensado somente no Fortaleza até hoje e depois vou refletir. Vou continuar feliz se continuar aqui, mas se não ficar, podemos voltar em outra oportunidade", ressaltou o técnico.

Confira outros trechos da coletiva de Rogério Ceni:

Torcida do Fortaleza

"Aprendi a cantar as músicas do clube. Confesso que não vi isso em lugar nenhum. Para mim é uma sensação única essa festa da torcida do Fortaleza. É uma coisa para se mostrar, como esse povo sabe, em alto nível, fazer uma festa."

Campanha geral do Fortaleza

"Um clube organizado, com conceito de jogo moderno. Mostrou que mesmo com equipe com menor orçamento é possível enfrentar outras equipes jogando de maneira ofensiva. É o que levo de ensinamento e o que tentamos construir aqui, dentro da possibilidade do clube.Isso mostra o DNA do Fortaleza. É minha grande casa como treinador de futebol."

Ceni na história do Fortaleza

"Ninguém é insubstituível. você tem profissionais que marcam, mas um passo foi dado, de melhorias, e tem tudo para o clube seguir, independente da minha permanência." 

Relação torcedor-Ceni

"Fico contente do carinho do povo em geral daqui. Deixei sempre meu melhor aqui, dentro da minha capacidade, do que era melhor fazer. Foram 2 anos que nunca faltei, nunca tive um dia a menos de trabalho. Sempre estivemos todos os dias juntos e isso é reconhecimento de quem ta do outro lado."