PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
NOTÍCIA

Além de ter histórico positivo contra o Fortaleza, CSA é pedra no sapato de Rogério Ceni

Rogério Ceni nunca venceu o Azulão do Mutange como treinador

Brenno Rebouças
22:07 | 15/11/2019
Rogério Ceni tem tabu pessoal diante do CSA
Rogério Ceni tem tabu pessoal diante do CSA (Foto: AURELIO ALVES)

As partidas entre Fortaleza e CSA costumam ser difíceis, não importa o local. Domingo, 17, as duas equipes se encontram novamente no Castelão, onde o Azulão do Mutange tem até uma pequena vantagem sobre o Leão. Na condição de mandante, o Tricolor só bateu o time alagoano duas vezes, frente a três vitórias do time marujo.

O CSA, porém, não é uma pedra no sapato apenas do Fortaleza. Desde que assumiu a condição de técnico de futebol, Rogério Ceni ainda não conseguiu vencer o Azulão do Mutange. Nas quatro vezes que bateu de frente com eles, o jogo terminou empatado.

Pelo Fortaleza, foram dois empates na Série B de 2018 e mais um pela Copa do Nordeste de 2019. Na Série A do Brasileiro, na rodada 16, Rogério Ceni estava no Cruzeiro e foi até o Rei Pelé, mas novamente saiu com uma igualdade no placar.

Ele até reivindica a vitória do Fortaleza por 2 a 0 no jogo de ida da Série A para ele, uma vez que preparou a equipe, mas na verdade quem comandou o Leão naquele dia foi Marcone Montenegro, treinador do Sub-20.

Quando era jogador, no entanto, as coisas eram diferentes. Ceni encarou o CSA como goleiro por três vezes, venceu todas, sendo duas por goleada. A mais recente foi em 2014, pela Copa do Brasil, no Morumbi, quando o placar foi 3 a 0 para o Tricolor Paulista.