PUBLICIDADE
Fortaleza Esporte Clube
DE BEM COM A VIDA

Ceni celebra invencibilidade de 10 jogos do Leão, mas avisa: "importante é como o time vem jogando"

Rogério Ceni exaltou a vitória do Fortaleza na partida de ida da final do Campeonato Cearense.

11:09 | 15/04/2019
Rogério Ceni, técnico do Fortaleza, caminha no Castelão com sua prancheta
Rogério Ceni, técnico do Fortaleza, caminha no Castelão com sua prancheta(Foto: Aurélio Alves/Aurélio Alves)

 No último domingo, o Fortaleza deu um grande passo rumo ao título do Campeonato Cearense. Com o Castelão lotado, Rogério Ceni venceu pela primeira vez o Ceará e viu seus comandados aplicarem 2 a 0 sobre os rivais. Apesar da empolgação, o treinador pregou cautela em sua entrevista coletiva, mas comemorou a manutenção da invencibilidade.

Com o triunfo diante do time comandado por Lisca, o Fortaleza chegou a 10 jogos de invencibilidade, sendo que nos cinco últimos não teve sua defesa vazada. Além disso, o Leão quebrou o tabu de vencer o Ceará por dois gols de diferença, algo que não acontecia desde 2008.

“Todo clássico tem suas marcas, mas é um jogo de futebol. Se a gente tivesse perdido do Floresta, não teria a oportunidade de estar aqui. Para o torcedor, claro, fica o gosto. Mas ainda temos o jogo domingo que vem, que decide o campeonato. A vitória é doce, mas acaba. O time mostrou que tem condições de brigar pelo título”, disse Ceni, que minimizou sua vitória individual.

“Joguei mais de 180 clássicos como atleta, contra Palmeiras, Corinthians e Santos. Aqui já era o sétimo, são três, três e um. Em algum momento, você vai vencer, é o natural. Não é a minha vitória, é a vitória do Fortaleza”, completou.

Com a vitória no jogo de ida, o Fortaleza joga pelo empate no jogo da volta marcado para o próximo domingo, às 16h (de Brasília), novamente na Arena Castelão. O Ceará precisa de uma vitória por dois gols de diferença para erguer a taça.

“O Fortaleza fez dois grandes jogos, vem melhorando gradativamente. Mas, a cada jogo, se escreve uma nova história. Agora são 10 jogos de invencibilidade, isso é bacana, mas o mais importante é como o time vem jogando, tentando criar uma identidade de jogo”, finalizou.

VEJA MAIS | FUTCAST #48 - PÓS-JOGO FORTALEZA 2 X O CEARÁ: LEÃO LARGA NA FRENTE

Listen to "#48 - EXTRA | Pós-jogo Fortaleza 2 x 0 Ceará: Leão larga na frente" on Spreaker.

NA PRANCHETA #51 | FORTALEZA 2 X 0 CEARÁ: ANÁLISE DA 1ª FINAL:

GAZETA ESPORTIVA