Com Ceni no comando, Fortaleza marcou 86 gols; número evidencia característica ofensiva do treinadorFortaleza Esporte Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Com Ceni no comando, Fortaleza marcou 86 gols; número evidencia característica ofensiva do treinador

Dados podem aumentar porque faltam duas rodadas para o fim da temporada

12:07 | 13/11/2018
NULL
NULL

[FOTO1]

Durante um ano e três dias de Fortaleza, Rogério Ceni tem sido responsável pelo crescimento profissional do Tricolor e por recolocar o time em visibilidade no cenário nacional pelas conquistas dentro e fora de campo.

O trabalho que teve um início muito criticado no começo do ano, principalmente depois da perda do Estadual para o rival, veio mostrar frutos na Segundona. Ficou evidente que o treinador usou o certame local como laboratório, quando mudava diversas vezes a escalação.

Mas um ponto em especial chama atenção: o número de gols marcados até o momento - fato que evidencia a carateristica de Ceni em montar um time ofensivo e com a pontaria calibrada.

No estadual foram 36 gols marcados em 18 jogos, média de dois por confronto. Na Série B o time chegou a marca de 50 tentos anotados em 36 partidas realizadas somando uma média de 1,3 - restando ainda duas para o fim da competição. Um total de 86 gols sob o comando de Ceni. E na Fares Lopes, competição em que o técnico não esteve na beira do gramado, a equipe marcou 12 gols em oito vezes que esteve em campo, com média de 1,5.

"Nosso time sempre entra na partida para marcar gols. Não podemos esperar o adversário, temos que ir atrás seja jogando em casa ou fora. Dependendo das circustâncias, é natural que a gente se feche um pouco. Mas monto meu time para sempre atacar", disse o treinador em coletiva após a vitória sobre o Juventude, ainda no primeiro turno por 3 a 0 fora de casa.

Nesta quinta-feira, 15, o Tricolor recebe o Juventude pela 37º rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar da conquista do acesso e do título antecipado, o elenco quer a vitória no jogo que macará a entrega do troféu da Segundona.

TAGS