"Foi uma vitória construída e merecida", afirma Ceni após triunfo sobre o Paysandu Fortaleza Esporte Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


"Foi uma vitória construída e merecida", afirma Ceni após triunfo sobre o Paysandu

Tricolor chegou aos 60 pontos

10:50 | 22/10/2018
NULL
NULL
[FOTO1] Após o triunfo diante do Paysandu por 1 a 0 no sábado, o técnico Rogério Ceni falou em coletiva sobre a construção do resultado e ressaltou a vontade dos atletas do Fortaleza, que mesmo em um dia de pouca inspiração, buscaram o resultado positivo até o último minuto em partida válida pela 32º rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

“Começamos bem, finalizando logo no primeiro minuto do jogo. Mas não fizemos um jogo brilhante, jogamos um pouco abaixo do nosso normal e isso dificultou um pouco para gente. O importante é que o time não deixou de tentar a vitória e foi merecedor. O gol pode sair no primeiro minuto ou no finalzinho, mas o time que procura sempre é premiado. Nós construímos a vitória e fomos merecedores", comentou Ceni.

O treinador fez questão de explicar a imprensa e ao torcedor o motivo do veto de última hora do atacante Ederson, que chegou a ser chamado para entrar na partida e retornou ao banco dando lugar a Wilson no segundo tempo.

"O Ederson teve uma lesão no treino, estava pensando em começar o jogo com ele e infelizmente não deu. Mesmo assim resolvi leva-lo sem treinar quinta e sexta. Como ele disse que preferia esperar, em seguida coloquei Wilson. Era uma substituição clara naquele momento colocar o Ederson, mas melhor perder ele agora do que prolongar isso e se tornar um problemas maior", afirmou.

Já no final da entrevista, Ceni destacou a estrela do centroavante Gustavo - que não marcava gol há oito jogos e aproveitou o momento para agradecer a festa que a torcida fez no Castelão, ressaltando a importância de ter casa cheia numa competição tão nivelada como a Segundona.

"Quem sabe no futuro o Gustavo também não tenha uma música como a do Cassiano. Foi um gol muito importante, ele não marcava a oito jogos. O mais importante é que ele não deixe de tentar, brigar porque é um atleta de muito potencial e tem estrela para aparecer no momento certo", comentou sobre o camisa 9 do Tricolor.

"Essa atmosfera que se cria, com um estádio como esse, o mosaico e as bandeiras, não é qualquer time que consegue fazer isso. A torcida fez uma festa inesquecível. Pra mim, que já joguei muito e vivi tantas coisas no futebol não vou esquecer, imagine para esses atletas dentro de campo. Espero que possamos repetir isso mais vezes porque é muito bonito de ver", finalizou o treinador.

O Fortaleza volta a campo na próxima sexta-feira, dia 26, para enfrentar a Ponte Preta, em jogo marcado para às 20h30min, na Arena Castelão. A partida é válida pela 32ª rodada da Série B. Uma vitória praticamente atesta o acesso do Tricolor.
 
FutCast #20 – O centenário do Fortaleza Esporte Clube
[VIDEO1]
 
TAGS