PUBLICIDADE
Esportes

Pedidas salariais podem dificultar chegada de reforços no Fortaleza

17:42 | 28/11/2017
NULL
NULL
[FOTO1] Não vem sendo fácil a busca por refoços do Fortaleza. Feitas as primeiras investidas e sondagens, o clube vem enfrentando dificuldades para 'bater o martelo' e confirmar as contratações. Um dos obstáculos são os valores cobrados pelos atletas e seus representantes. O cenário se aplica, em especial, a dois atletas que estão no radar do Leão: o volante Juliano, que atuou pelo Tricolor em 2016, e o zagueiro Wesley Matos, do Vila Nova.

O Esportes O POVO apurou que as pedida salarial dos atletas está fora do padrão estabelecido pelo clube. Há a tentativa de reduzir os valores para acertar. Wesley Matos, segundo a reportagem levantou, teria proposta da Série A. Após as primeiras tratativas, os dirigentes do Leão reafirmam o interesse nos atletas, mas garantem que não irão fazer "loucuras" para fechar negócio.

Oficialmente, apenas um novo jogador foi confirmado para 2018: o volante Derley, que está no Santa Cruz. Além deles, o clube renovou neste fim de ano os contratos do goleiro Marcelo Boeck e o do volante Anderson Uchôa. 
TAGS