PUBLICIDADE
Esportes

Fortaleza tem duas dúvidas para finalíssima da Taça Fares Lopes

17:49 | 02/11/2017
NULL
NULL
[FOTO1] A reapresentação do Fortaleza, após o empate em 1x1 com o Floresta no 1° jogo da final da Taça Fares Lopes, deixou ares de preocupação no Pici. Dois jogadores titulares da equipe deixaram o jogo da última quarta-feira sentindo dores e já iniciaram tratamento no Departamento Médico do clube. Titular no primeiro jogo da decisão, o atacante Lúcio Flávio saiu de campo após uma disputa de bola, sofrendo um trauma no ombro, o mesmo que ele já havia lesionado durante a fase classificatória da Série C do Campeonato Brasileiro.

Outro que deixou o jogo inspirando cuidados foi o zagueiro Adalberto. Em uma avaliação preliminar, o defensor foi diagnosticado com um estiramento na coxa. Segundo chefe do Departamento Médico do Fortaleza, Glay Maranhão, os dois atletas do Leão serão reavaliados nesta sexta-feira para saber se possuem condições de entrar em campo no sábado, no jogo decisivo pela disputa do título da Fares Lopes, marcado para as 16h, na Arena Castelão.

Adalberto e Lúcio Flávio são os únicos pacientes do DM do FOrtaleza. O atacante Paulo Sérgio e o meia Éverton, que tratavam lesões musculares, já foram liberados, mas dificilmente devem estar em campo na última partida do time na temporada. 

Por ter feito melhor campanha, o Floresta joga pela vantagem do empate para ser campeão da Fares. Ao Tricolor resta vencer a partida para ficar com o título, o que garantiria o time na Copa do Brasil do ano que vem. 


TAGS