PUBLICIDADE
Esportes

Em nota, Conselho Deliberativo rechaça saída de Bonamigo do comando do Fortaleza

19:31 | 14/08/2017
NULL
NULL

[FOTO1]

Horas após a publicação da notícia de que três conselheiros do Fortaleza afirmaram ao repórter Miguel Júnior, da Rádio O POVO/CBN, que o técnico Paulo Bonamigo precisa deixar o comando do Tricolor (em face ao momento instável do time na Série C, vindo de dois empates seguidos), o Conselho Deliberativo do Fortaleza enviou nota ao Esportes O POVO esclarecendo que, apesar de respeitar "a opinião individual de seus associados conselheiros, mas que esta não reflete a opinião do órgão máximo do clube".

O texto, assinado pelo presidente do Conselho Deliberativo do Fortaleza, Demetrius Coelho Ribeiro, destaca ainda que o órgão "exerce seu papel estatutariamente definido, e que as competências da Diretoria de Futebol (a exemplo dos contratos e destratos de jogadores e comissão técnica) são a cargo, exclusivamente, da Diretoria Executiva, conforme determina o estatuto do clube".

A exemplo do Conselho Deliberativo, a diretoria executiva do Fortaleza também rechaça a possibilidade de saída, nesse momento, de Bonamigo, afirmando que ele segue no comando da equipe. Bonamigo não esteve presente na reapresentação do time, nesta segunda-feira (14), no Pici, uma vez que foi liberado pelo clube para visitar familiares, no Rio de Janeiro. Marcelo Paz, vice-presidente e diretor de futebol do Fortaleza, garantiu, no entanto, que o treinador volta ao trabalho nesta terça-feira.

Confira a íntegra da nota enviada ao O POVO:

A respeito da matéria veiculada pelo Grupo O Povo de Comunicação, nesta segunda-feira (14), intitulada “Conselheiros querem que Bonamigo deixe o comando do Fortaleza, informa repórter da rádio O POVO/CBN”, por se tratar da opinião de seus membros associados, o Conselho Deliberativo esclarece que;

Respeita a opinião individual de seus associados conselheiros, mas que esta não reflete a opinião do órgão máximo do clube. O Conselho Deliberativo esclarece também que o órgão exerce seu papel estatutariamente definido, e que as competências da Diretoria de Futebol (a exemplo dos contratos e destratos de jogadores e comissão técnica) são a cargo, exclusivamente, da Diretoria Executiva, conforme determina o estatuto do clube.

O Conselho Deliberativo explica, ainda, que em suas reuniões tem por pauta temas de sua competência, também relacionados ao Fortaleza, mas que os assuntos relacionados ao futebol e os devidos esclarecimentos de suas decisões a todo o quadro de Conselheiros, assim como as declarações oficiais do clube destinadas à imprensa, cabem somente à Diretoria Executiva.

Demetrius Coelho Ribeiro
Presidente do Conselho Deliberativo

TAGS