Defesa é a preocupação do Fluminense para jogo no UruguaiFutebol | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Defesa é a preocupação do Fluminense para jogo no Uruguai

O Fluminense protagonizou uma das piores atuações de um sistema defensivo nos últimos anos na derrota por 3 a 0 para o Internacional, na noite da última segunda-feira, pelo Campeonato Brasileiro. Os erros individuais foram marcantes, assim como a facilidade encontrada pelo Colorado para penetrar na defesa rival. Agora, o setor é a grande preocupação [?]

11:45 | 14/08/2018

O Fluminense protagonizou uma das piores atuações de um sistema defensivo nos últimos anos na derrota por 3 a 0 para o Internacional, na noite da última segunda-feira, pelo Campeonato Brasileiro. Os erros individuais foram marcantes, assim como a facilidade encontrada pelo Colorado para penetrar na defesa rival. Agora, o setor é a grande preocupação para a partida da próxima quinta-feira, às 21h45 (de Brasília), contra o Defensor, no Estádio Luis Franzini, em Montevidéu, no Uruguai, pela rodada de volta da segunda fase da Copa Sul-Americana.

O Tricolor ganhou o primeiro jogo por 2 a 0 e agora pode perder por um gol de diferença, mas, mesmo assim, existe o temor que outra pane como a vista diante do Internacional possa custar a eliminação no torneio.

?Preocupa demais a forma como perdemos para o Inter. Foi a primeira vez na minha carreira que fui para o intervalo perdendo por três a zero. Precisamos acentuar o trabalho na parte de concentração, mudar peças e ver o que podemos fazer para melhorar. Existem erros que são coletivos, outros provocados pelo adversário, que força jogadas, mas esses não. Foram erros bisonhos e infantis?, disse o técnico Marcelo Oliveira.

Os jogadores sabem que precisam reagir rapidamente. ?Foi uma atuação muito abaixo do esperado e precisamos conversar para corrigir rapidamente, pois na quinta-feira já temos outra decisão, muito importante, e não podemos cometer erros?, observou o volante Jadson.

A terça-feira foi marcada por um trabalho regenerativo. A delegação do Fluminense viaja para a capital uruguaia nesta quinta-feira. Apesar de ter tido a documentação regularizada nesta terça pela manhã na CBF, o zagueiro Paulo Ricardo não pode estrear porque não está inscrito na Copa Sul-Americana. O defensor de 24 anos e que teve boa passagem pelo Santos estava no Sion, da Suíça. Pelo Campeonato Brasileiro, o time volta a campo no domingo, pela última rodada do primeiro turno, para medir forças contra o América-MG, na Arena Independência, em Belo Horizonte (MG), às 19h (de Brasília).

Gazeta Esportiva