Cuenca elimina o Wilstermann nos pênaltis e pode enfrentar o FluFutebol | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Cuenca elimina o Wilstermann nos pênaltis e pode enfrentar o Flu

O Deportivo Cuenca segue vivo na Copa Sul-Americana. Na noite desta terça-feira, o time equatoriano repetiu o empate por 2 a 2 do jogo de ida com o Jorge Wilstermann, desta vez na cidade boliviana de Cochabamba, e assegurou presença nas oitavas de final com uma vitória por 6 a 5 nos pênaltis. O adversário [?]

22:15 | 31/07/2018

O Deportivo Cuenca segue vivo na Copa Sul-Americana. Na noite desta terça-feira, o time equatoriano repetiu o empate por 2 a 2 do jogo de ida com o Jorge Wilstermann, desta vez na cidade boliviana de Cochabamba, e assegurou presença nas oitavas de final com uma vitória por 6 a 5 nos pênaltis.

O adversário do Cuenca na próxima fase poderá ser o Fluminense, que ainda não iniciou o seu duelo de mata-mata com o uruguaio Defensor Sporting. O jogo de ida ocorrerá na noite desta quinta-feira, no Maracanã, com a volta marcada para 16 de agosto, no Luis Franzini, em Montevidéu.

Apesar de atuar na Bolívia no confronto decisivo desta semana, foi o Deportivo Cuenca que abriu o placar, com gol de pênalti de Édison Preciado, logo aos três minutos. O Jorge Wilstermann reagiu ainda na primeira etapa, por meio do ex-cruzeirense Gilbert Álvarez, aos 18.

No segundo tempo, surgiu mais um gol para cada lado. A virada dos donos da casa veio com Fernando Saucedo, aos 10, mas Jacson Pita voltou a igualar o marcador para os visitantes, aos 35. Nos pênaltis, deu Cuenca.

Outro time equatoriano a entrar em campo pela Sul-Americana nesta terça-feira, o El Nacional acabou eliminado pelo Defensa y Justicia, da Argentina, mesmo como mandante. O triunfo por 1 a 0, com gol de Daniel Ângulo aos 20 minutos do primeiro tempo, não bastou por causa da derrota por 2 a 0 no compromisso de ida.

Gazeta Esportiva

TAGS