Após derrota, dirigentes do Flamengo se reúnem para discutir má faseClube de Regatas do Flamengo | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Após derrota, dirigentes do Flamengo se reúnem para discutir má fase

Um dia depois da surpreendente derrota para o Ceará, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, dirigentes do Flamengo se reuniram na tarde desta segunda-feira, no Ninho do Urubu, antes do treinamento dos jogadores reservas, uma vez que os titulares fizeram trabalho regenerativo. O vice-presidente de futebol do Flamengo, Ricardo Lomba se reuniu com o diretor geral Bruno [?]

21:15 | 03/09/2018

Um dia depois da surpreendente derrota para o Ceará, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, dirigentes do Flamengo se reuniram na tarde desta segunda-feira, no Ninho do Urubu, antes do treinamento dos jogadores reservas, uma vez que os titulares fizeram trabalho regenerativo.

O vice-presidente de futebol do Flamengo, Ricardo Lomba se reuniu com o diretor geral Bruno Spindel e o diretor de futebol, Carlos Noval, para discutir a situação do clube, mas evitaram falar com a imprensa. Depois do encontro, Noval conversou durante alguns minutos com o técnico Mauricio Barbieri. Na véspera, Lomba, que também é candidato à presidência do clube rubro-negro, chegou a dizer que ?não dava para ficar assim de jeito nenhum?.

Os últimos resultados têm provocado muitas críticas ao técnico Mauricio Barbieri e a alguns jogadores como o meia Lucas Paquetá, atualmente na seleção, e o goleiro Diego Alves, acusado de falhar na derrota para o time cearense. Enquanto os dirigentes analisavam o momento do clube, os jogadores reservas treinaram com o técnico Mauricio Barbieri. Os titulares ficaram na academia do Centro de Treinamento George Helal.

Para enfrentar o Internacional, quarta-feira, em Porto Alegre, o técnico Mauricio Barbieri tem muitos problemas para escalar a equipe. Lucas Paquetá e Cuéllar estão defendendo as respectivas seleções, enquanto o meia Diego vai cumprir suspensão por ter recebido o terceiro cartão amarelo. O zagueiro Réver também pode ser desfalque. O Internacional está cobrando R$ 1 milhão pela escalação do zagueiro no jogo do primeiro no primeiro turno, conforme acordo firmado entre os dois clubes. O mesmo valor será cobrado caso o Flamengo escale Rèver outra vez. A boa notícia é que o zagueiro Léo Duarte cumpriu suspensão e está de volta.

 

Gazeta Esportiva

TAGS