PUBLICIDADE
Esportes

Flamengo descarta euforia e garante pés no chão

A vitória por 2 a 0 sobre o Fluminense, na noite de quinta-feira, colocou o Flamengo em uma situação confortável na liderança do Campeonato Brasileiro. Isso porque o Rubro-Negro chegou aos 23 pontos e abriu cinco de vantagem para o seu perseguidor mais direto, o Sport. Apesar desta realidade, os flamenguistas procuram manter os pés [?]

12:45 | 08/06/2018

A vitória por 2 a 0 sobre o Fluminense, na noite de quinta-feira, colocou o Flamengo em uma situação confortável na liderança do Campeonato Brasileiro. Isso porque o Rubro-Negro chegou aos 23 pontos e abriu cinco de vantagem para o seu perseguidor mais direto, o Sport. Apesar desta realidade, os flamenguistas procuram manter os pés no chão e garantem que na euforia é apenas com a torcida.

?O importante neste momento não é o número de pontos de vantagem que temos na liderança e, sim, em mantermos um bom nível de atuação, pois é isso que vai nos permitir seguir bem na competição e no bolo que vai brigar pelas principais coisas nesta temporada. Estamos trabalhando com seriedade e com os pés no chão, pois entendemos que a caminhada ainda está muito longe do fim no Campeonato Brasileiro?, disse Mauricio Barbieri.

Seguindo o discurso do treinador, os jogadores também indicaram que o momento é de ter pés no chão e frear a empolgação com resultados positivos conquistados recentemente.

?Apenas mantendo os pés no chão que vamos conseguir evoluir de jogo para jogo. O Flamengo se tornou um time ainda mais visado pelo fato de estar na liderança e não podemos mudar essa realidade. Os jogos serão sempre mais complicados para a nossa equipe e temos que trabalhar com o pensamento de somarmos os três pontos. Temos feito o nosso melhor e assim que devemos prosseguir?, afirmou o meia Everton Ribeiro.

O elenco do Flamengo retornou ao Rio de Janeiro nesta sexta-feira e na atividade do sábado Barbieri define o time para o duelo contra o Paraná Clube, neste domingo, às 19h(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Para este compromisso o treinador perdeu o meia Lucas Paquetá, suspenso por ter sido advertido com o terceiro cartão amarelo contra o Fluminense. Em compensação, o meia Diego volta a ficar à disposição. O Flamengo segue sem poder contar com o lateral-esquerdo Miguel Trauco e com o atacante Paolo Guerrero, servindo à seleção peruana que se prepara para a disputa da Copa do Mundo da Rússia. Os zagueiros Réver e Juan continuam entregues ao departamento médico.

Gazeta Esportiva

TAGS