PUBLICIDADE
Esportes

?Assédio estrangeiro? aos jogadores gera preocupação no Flamengo

A janela de transferências já virou um pesadelo no Flamengo antes mesmo do período ser intensificado, algo que deve ficar para o decorrer da Copa do Mundo. Valorizado pela boa campanha no Campeonato Brasileiro, que lidera de forma tranquila, o Rubro-Negro virou um eventual alvo dos clubes estrangeiros e começa a trabalhar para manter alguns [?]

14:15 | 05/06/2018

A janela de transferências já virou um pesadelo no Flamengo antes mesmo do período ser intensificado, algo que deve ficar para o decorrer da Copa do Mundo. Valorizado pela boa campanha no Campeonato Brasileiro, que lidera de forma tranquila, o Rubro-Negro virou um eventual alvo dos clubes estrangeiros e começa a trabalhar para manter alguns de seus principais nomes.

O atacante Felipe Vizeu, por exemplo, autor do gol do triunfo de 1 a 0 sobre o Corinthians no fim de semana, já está negociado com a Udinese, da Itália. Já o atacante Vinicius Júnior pode ir para o Real Madrid na pré-temporada européia, em julho, caso aceite o pedido dos merengues de se integrar ao plantel. Isso sem falar no meia Everton, seduzido pelo São Paulo e que nem precisou cruzar o Oceano Atlântico para desfalcar o Flamengo.

Diante deste cenário, o Flamengo já se preocupa com outras perdas. O volante colombiano Gustavo Cuéllar também está nos planos de dois clubes italianos. O meia Lucas Paquetá também despertou o interesse de alguns gigantes europeus.

?Estamos atentos e trabalhando para repormos as perdas que aconteceram e para reforçar o elenco. O objetivo do Flamengo é conseguir manter o elenco entre os principais do país para conquistarmos a Libertadores e os demais títulos que estamos disputando. Sabemos que isso vai exigir um esforço muito grande, mas vamos fazê-lo, sempre mantendo a nossa responsabilidade?, disse o presidente Eduardo Bandeira de Mello.

O Flamengo ainda monitora a situação do atacante peruano Paolo Guerrero, que tem contrato até 10 de agosto. O jogador, que estava suspenso por doping e teve o contrato interrompido temporariamente, pode voltar a jogar pelo clube em julho. Ele está com a seleção do Peru e vai disputar a Copa do Mundo na Rússia.

?Estamos monitorando a situação do Guerrero e a informação que temos é que ele vai poder voltar a defender o Flamengo?, ressaltou Bandeira.

Dentro de campo o técnico Maurício Barbieri define nesta quarta-feira o time para o clássico diante do Fluminense, na quinta-feira, às 20h (de Brasília), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF), pela décima rodada do Campeonato Brasileiro. O meia Diego, advertido com o terceiro cartão amarelo contra o Corinthians, cumpre suspensão e fica de fora. Jean Lucas deve ficar com a vaga.

Gazeta Esportiva

TAGS