Boca Juniors goleia e se confirma como adversário do CruzeiroCruzeiro Esporte Clube | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Boca Juniors goleia e se confirma como adversário do Cruzeiro

O Cruzeiro terá uma pedreira pela frente. Nas quartas de final da Copa Libertadores da América, a Raposa terá pela frente o Boca Juniors. Depois de despachar o Flamengo na quarta, os mineiros assistiram a classificação dos argentinos na noite dessa quinta-feira, em cima do Libertad, e em grande estilo. Em pleno Defensores del Chaco, [?]

21:30 | 30/08/2018

O Cruzeiro terá uma pedreira pela frente. Nas quartas de final da Copa Libertadores da América, a Raposa terá pela frente o Boca Juniors. Depois de despachar o Flamengo na quarta, os mineiros assistiram a classificação dos argentinos na noite dessa quinta-feira, em cima do Libertad, e em grande estilo. Em pleno Defensores del Chaco, os visitantes enfiaram uma goleada por 4 a 2, de virada, sobre os paraguaios. Na Bombonera, o Boca já havia vencido por 2 a 0.

Justamente por causa da derrota no duelo de ida, o Libertad partiu para uma pressão inicial e viu seu plano dar certo. Com apenas 11 minutos, Óscar Cardozo aproveitou falha terrível da zaga argentina e abriu o placar.

Era tudo que o Libertad precisava, um gol no início. O problema é que pouco depois, em menos de cinco minutos, o time xeneize virou o jogo e praticamente acabou com qualquer esperança dos donos da casa.

Nos dois gols a jogada foi a mesma. Uma cavada por cima da defesa paraguaia para colocar os atacantes de frente para a meta. Primeiro, Pavón empatou, depois, Zárate colocou o Boca em vantagem.

Cardono ainda chegou a empatar a partida no primeiro tempo, em pênalti cobrado de forma violenta, mas a etapa final foi marcada por um verdadeiro massacre do Boca Juniors.

Carlitos Tevez entrou no jogo apenas aos 25 minutos e não demorou a deixar sua marca. Cobrança de falta na área e o ídolo corintiano aproveitou sobra dentro da área para estufar as redes.

Em seguida, Nandez sofreu pênalti infantil. Cardona, com uma cavadinha doída definiu a goleada e a classificação, para delírio dos torcedores argentinos, que compareceram em peso no Paraguai.

Nas quartas de final, Cruzeiro e Boca Juniors se enfrentam primeiro no Mineirão e depois decidem a vaga à semifinal em Buenos Aires, na temida Bombonera.

 

Gazeta Esportiva

TAGS