PUBLICIDADE
Esportes

Mano lamenta derrota: ?não merecíamos perder?

O Cruzeiro jogou a maior parte do jogo contra o Fluminense, nesse domingo, no Rio de Janeiro, pelo Campeonato Brasileiro, com um jogador a mais. No entanto, a equipe deixou o gramado derrotada, por 1 a 0, algo que gerou a frustração do técnico Mano Menezes. ?É a segunda rodada do Brasileiro, não é mais [?]

16:30 | 23/04/2018

O Cruzeiro jogou a maior parte do jogo contra o Fluminense, nesse domingo, no Rio de Janeiro, pelo Campeonato Brasileiro, com um jogador a mais. No entanto, a equipe deixou o gramado derrotada, por 1 a 0, algo que gerou a frustração do técnico Mano Menezes.

?É a segunda rodada do Brasileiro, não é mais uma vez. Logicamente que não gostaríamos de perder, mas se você fala mais uma vez parece uma imensidão e não é. É a segunda vez. Se teve força para pressionar no fim, não pode parecer que está cansado, desgastado. São outros problemas. Não merecíamos perder. Estava conversando com o Abel depois do jogo, e o Fluminense jogou por uma bola. Teve a felicidade numa bola erguida na área raspar em um jogador e entrar. A gente precisa conviver com isso para chegar no vestiário e não destruir as coisas boas que fizemos até aqui. Vamos ter que superar nossas adversidades. Nossos problemas não são esses ou aqueles individualmente?, destacou.

Mano fez alterações na sua equipe em relação aos jogos anteriores. Cobrado por jogar sem um centroavante, ele colocou Sassá para cumprir a função. No entanto, o avante não recebeu bolas limpas para finalização. Para Menezes, a escolha na frente não alterou o quadro dos jogos passados.

?O que aconteceu hoje em termos de escolhas, formação, saindo com um centroavante inicialmente, como todo mundo cobra, então os problemas não são por causa do centroavante com características. Ouvi que faltou ambição no Chile. Deveria ter tirado um volante? Hoje tiramos um volante, tomamos um gol, perdemos o jogo. Não é por isso ou aquele. Vamos falar de futebol. Vamos cobrar coisas que o time precisa mostrar em campo, em jogos assim, que tem nos faltado. Essa é, realmente, a linha que temos que ter nessa hora para reencontrar o caminho das nossas vitórias, como vamos fazer na nossa casa, quinta-feira?, complementou.

O Cruzeiro começa a ser pressionado após a conquista do Campeonato Mineiro. O time não rende o esperado e não consegue vencer. Nas duas competições importantes que disputa, a Libertadores e Brasileirão, a Raposa ainda não bateu qualquer adversário. Mano Menezes encontra explicação para cada duelo.

?Acho que tivemos queda porque não vencemos. Acho que não vencemos por situações diferentes. Perdemos no clássico, derrota mais contundente, porque não jogamos bem. Perdemos contra o Grêmio porque jogamos menos. Empatamos no Chile jogando bem, com a responsabilidade de um jogo decisivo, e hoje não dá para dizer que jogou mal com o que construiu. Vamos atrás das explicações e levar para dentro de casa para resolver lá?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS