PUBLICIDADE
Esportes

Ronaldo foi rival do Corinthians e tentou levar Arana para o Valladolid

Ronaldo ajudou na reconstrução do Corinthians a partir de 2009, foi campeão pelo clube e se transformou em um eterno parceiro nos bastidores, depois de sua aposentadoria, além de se declarar torcedor, mesmo com sua ligação infantil com o Flamengo. Mas, agora também como sócio majoritário do Valladolid, o Fenômeno acabou entrando como concorrente do [?]

06:15 | 19/01/2019

Ronaldo ajudou na reconstrução do Corinthians a partir de 2009, foi campeão pelo clube e se transformou em um eterno parceiro nos bastidores, depois de sua aposentadoria, além de se declarar torcedor, mesmo com sua ligação infantil com o Flamengo.

Mas, agora também como sócio majoritário do Valladolid, o Fenômeno acabou entrando como concorrente do Timão na briga para saber quem fica com Guilherme Arana.

A Gazeta Esportiva apurou que o Valladolid foi um dos clubes europeus a procurar o Sevilla para negociar.

Para o azar de Ronaldo e alívio dos corintianos, o Sevilla já descartou a possibilidade de Guilherme Arana jogar no clube conterrâneo.

Em reunião no fim da tarde desta sexta-feira, os atuais donos do atleta definiram que não emprestarão Guilherme Arana a nenhuma outra equipe. Anteriormente, os espanhóis estavam dispostos a ouvir propostas desse tipo de clubes europeus.

Mas, como há mais de um clube interessado na compra do jogador, o Sevilla entendeu que não faria sentido a nenhuma das partes um empréstimo diante desse cenário.

Com isso, a concorrência do Corinthians diminuiu, pois os paulistas aceitaram a condição de adquirir o lateral esquerdo em definitivo e apresentaram proposta. A possibilidade de um acerto é maior agora do que no início da sexta-feira.

As negociações terão uma pausa nesse fim de semana e voltarão na segunda-feira, quando novamente haverá expectativa para um desfecho, seja para o bem ou para a frustração dos alvinegros.

Gazeta Esportiva

TAGS