Aliviado, Vital brinca sobre gol de cabeça: ?Não tinha feito nem na base?Sport Club Corinthians Paulista | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Aliviado, Vital brinca sobre gol de cabeça: ?Não tinha feito nem na base?

Com a vitória diante do Vasco, o Corinthians abriu seis pontos para a zona de rebaixamento e ganhou certa tranquilidade na reta final do Campeonato Brasileiro. O gol decisivo do triunfo pelo placar mínimo foi marcado por Mateus Vital através de um fundamento em que ele não está acostumado a usar para balançar as redes: [?]

17:00 | 19/11/2018

Com a vitória diante do Vasco, o Corinthians abriu seis pontos para a zona de rebaixamento e ganhou certa tranquilidade na reta final do Campeonato Brasileiro. O gol decisivo do triunfo pelo placar mínimo foi marcado por Mateus Vital através de um fundamento em que ele não está acostumado a usar para balançar as redes: o cabeceio.

?O Osmar (Loss, membro da comissão técnica) me perguntou se eu me lembrava de algum (gol de cabeça). Aí eu falei, não lembro nem na base e quem dirá no profissional. Mas graças a Deus veio no momento certo, no momento que a gente precisava e foi bem importante?, brincou o jogador em entrevista à ESPN.

Fugindo das brincadeiras, o meio-campista foi sério quando perguntado sobre a importância do gol. ?A gente tem ideia quando vê o vídeo, vê o tanto de corintiano comemorando e dá até um pouco de alívio. Foi um gol muito importante, não só para a gente como para toda torcida corintiana. A Fiel merecia esse gol para que desse uma aliviada?, declarou o atleta de 20 anos.

?O Corinthians não merece estar passando pelo que está passando na tabela. Acho que é para dar uma aliviada, mas não podemos parar por aí. Já temos um jogo muito importante na quarta-feira. Como falei, quem veste essa camisa, sabe da responsabilidade que é?, completou.

Contratado no começo do ano junto ao Vasco, Vital destacou a recepção do elenco e da diretoria para sua adaptação. ?Acho que todo jogador precisa de um tempo para se adaptar, mas minha adaptação aqui está sendo bem rápida. Desde que cheguei aqui, a diretoria, os atletas e esse grupo maravilhoso me abraçou de uma forma que me deu confiança para que pudesse exercer meu trabalho da melhor maneira possível?, disse.

?Não consegui emplacar uma sequência de jogos, mas faz parte. Sou novo também e ainda tenho muito o que amadurecer. Vestir essa camisa do Corinthians não é fácil. Então, esse gol vai me dar ainda mais confiança?, finalizou.

O triunfo no confronto direto contra os vascaínos deixou o Corinthians na 12ª posição, com 43 pontos, seis a mais que a Chapecoense, primeiro time da zona de rebaixamento. O Timão volta aos gramados pelo Brasileiro nesta quarta-feira, quando enfrenta o Atlético-PR na Arena da Baixada.

 

Gazeta Esportiva

TAGS