Ser titular ou reserva no Corinthians não afeta poder de decisão de PedrinhoSport Club Corinthians Paulista | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Ser titular ou reserva no Corinthians não afeta poder de decisão de Pedrinho

Desde que foi promovido ao elenco profissional do Corinthians, em 2017, Pedrinho tem intercalado entre a titularidade e ser opção para o segundo tempo. Dentro e fora do clube, muitas pessoas entendem que a questão física ainda é o maior motivo para o retardamento da consolidação do alagoano de 20 anos. Essa oscilação no rendimento, [?]

09:15 | 29/09/2018

Desde que foi promovido ao elenco profissional do Corinthians, em 2017, Pedrinho tem intercalado entre a titularidade e ser opção para o segundo tempo. Dentro e fora do clube, muitas pessoas entendem que a questão física ainda é o maior motivo para o retardamento da consolidação do alagoano de 20 anos.

Essa oscilação no rendimento, de certa forma natural para um jovem ainda inexperiente, já foi acompanhada de perto por três técnicos. E a dúvida permanece: Pedrinho tem ou não de ser titular no Corinthians?

Para o desafio contra o América, nesse sábado, por exemplo, Jair Ventura se mostrou indeciso sobre a questão, apesar do garoto ter sido responsável pelo gol da vitória alvinegra sobre o Flamengo, há três dias, na semifinal da Copa do Brasil.

Nem mesmo os números ajudam muito a determinar se o atacante aproveita melhor as oportunidades começando ou entrando no decorrer das partidas. Até agora, em campeonatos oficiais, foram quatro participações em gols como titular e também outras quatro como novidade na etapa final. A única certeza é o poder de decidir os jogos que a promessa corintiana tem.

Como titular

Foi de Pedrinho a jogada que culminou com o gol de Rodriguinho contra o Palmeiras, no primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Após isso, o leve atleta deu duas assistências para gols de Romero: uma contra o Vasco, de novo pelo Brasileirão, e outra diante da Chapecoense, pela Copa do Brasil. No nacional por pontos corridos, Pedrinho ainda marcou um gol em cima do Atlético-MG.

Entrando no 2º tempo

Logo em seu primeiro ano como profissional, Pedrinho brilhou no lance que originou o gol de Jô frente ao Botafogo, pelo Campeonato Brasileiro, e correu para os braços da torcida ao marcar um gol em cima do Patriotas, pela Copa Sul-Americana.

Na atual temporada, o jovem deixou sua marca contra o Bragantino, pelo Campeonato Paulista, e foi determinante para a classificação do Timão à final da Copa do Brasil com o gol marcado sobre o Flamengo.

Desempate

Fora as competições oficiais, o Corinthians fez três amistosos na intertemporada desse ano, em meio a disputa da Copa do Mundo. E Pedrinho acabou marcando um gol justamente em cima do Cruzeiro, rival corintiano na briga pela taça da Copa do Brasil, depois de ser colocado em campo apenas no segundo tempo.

Sempre decisivo

O que chama a atenção é a importância dos lances que terminaram em gols de Pedrinho ou com a participação do mesmo. A revelação corintiana nunca foi aquele atleta de brilhar em jogo decidido.

Da lista de gols, assistências e jogadas que terminaram em tentos de seus companheiros, todos aconteceram em momentos cruciais das respectivas partidas, dando alívio ou esperança ao Timão nas disputas.

Contextualizando

Em seu primeiro ato nesse aspecto, Pedrinho precisou de pouco tempo em campo para chapelar um marcador botafoguense e construir a jogada para o gol de Jô na vitória por 1 a 0 sobre os cariocas no Brasileirão de 2017.

No mesmo ano, Pedrinho balançou as redes pela primeira vez no time profissional do Corinthians. Foi dele o segundo gol sobre o Patriotas, pela segunda fase da Copa Sul-Americana. Até então, o triunfo pelo placar mínimo gerava desconforto, já que um gol dos colombianos tiraria a vaga dos paulistas.

Pelas quartas de final do Paulistão de 2018, Pedrinho arriscou um chute certeiro de fora da área e amenizou o prejuízo na derrota por 3 a 2 para o Bragantino. Em Itaquera o Corinthians faria 2 a 0 na partida de volta, resultado suficiente para o time avançar, graças ao gol de seu talismã no primeiro encontro.

Chegou o Brasileirão e Pedrinho se destacou logo no Derby contra o Palmeiras. Um drible espetacular do camisa 38 em cima de Bruno Henrique originou o gol fatal de Rodriguinho no triunfo por 1 a 0, em Itaquera.

Até na goleada por 4 a 1 sobre o Vasco, Pedrinho apareceu quando as coisas ainda não estavam nada fáceis. Os cruz-maltinos saíram na frente, levaram o empate e foi a aposta corintiana que se responsabilizou pela assistência a Romero no gol da virada.

Leia também:

Sem vários titulares, Jair desenha o Corinthians com uma dúvida

Corinthians divulga relacionados sem Douglas, Jadson, Avelar e Sheik

Corinthians anuncia ingressos a 15 reais para jogo diante do Fla

Léo Santos ressalta união do elenco do Timão após saída de Osmar Loss

Na fase quartas de final da Copa do Brasil, de novo Pedrinho deixou Romero em ótima condição e viu o paraguaio estufar as redes. Único gol do jogo contra a Chapecoense, na Arena.

Contra o Atlético-MG, pelo Brasileirão, a fase do Corinthians não era nada boa. O Galo acabou arrancando um empate por 1 a 1 e foi de Pedrinho o gol do Timão, em arremate de longe, com direito a bola no travessão e nas costas do goleiro antes de cruzar a linha.

Na última quarta-feira, novamente Pedrinho foi determinante para um resultado final. Solicitado pela torcida antes de mesmo de ser chamado por Jair Ventura, o jovem precisou de 38 segundos dentro das quatro linhas para fazer valer o poder de sua canhota e garantir a vitória por 2 a 1 sobre o Flamengo, que colocou o Timão na grande final da Copa do Brasil.

A estrela de Pedrinho não escolhe dia, adversário ou campeonato. Até mesmo quando marcou seu gol no amistoso contra o Cruzeiro, durante a paralisação das competições por causa da Copa do Mundo, o garoto foi determinante. Seu tento saiu no fim e resultou no empate por 2 a 2, evitando a derrota corintiana em Itaquera.

Participações de Pedrinho em gols do Corinthians:

-Corinthians 1 x 0 Botafogo / Brasileirão 2017

Entrou no segundo tempo e fez a jogada para o gol de Jô

-Corinthians 2 x 0 Patriotas-COL / 2ª fase Copa Sul-Americana 2017

Entrou no segundo tempo e marcou o segundo gol do Corinthians

-Bragantino 3 x 2 Corinthians / Quartas de final do Paulistão 2018

Entrou no segundo tempo e marcou o segundo gol do Corinthians

-Corinthians 1 x 0 Palmeiras / Brasileirão 2018

Foi titular e iniciou a jogada para o gol de Rodriguinho

-Vasco 1 x 4 Corinthians / Brasileirão 2018

Foi titular e deu assistência para Romero no segundo gol do Corinthians

-Corinthians 1 x 0 Chapecoense / Quartas de final da Copa do Brasil 2018

Foi titular e deu assistência para o gol de Romero

-Corinthians 1 x 1 Atlético-MG / Brasileirão 2018

Foi titular e marcou o gol do Corinthians

-Corinthians 2 x 1 Flamengo / Semifinal da Copa do Brasil 2018

Entrou no segundo tempo e marcou o segundo gol do Corinthians

-Corinthians 2 x 2 Cruzeiro / Amistoso 2018

Entrou no segundo tempo e marcou o segundo gol do Corinthians

Pedrinho em 2017:

4 jogos como titular

15 jogos entrando no segundo tempo

Nenhum jogo inteiro

Pedrinho em 2018:

22 jogos como titular

17 jogos entrando no segundo tempo

7 jogos inteiros

Amistosos de 2018:

1 jogo como titular

2 jogos entrando no segundo tempo

Nenhum jogo inteiro

Gazeta Esportiva

TAGS