Rosenberg vê ?exagero? em comentários sobre contas do CorinthiansSport Club Corinthians Paulista | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Rosenberg vê ?exagero? em comentários sobre contas do Corinthians

A transparência, ou a falta dela, tem sido uma das principais críticas da torcida do Corinthians a atual gestão de Andrés Sanchez. Mesmo depois de uma entrevista coletiva para expor as contas e a situação financeira do clube, a TV oficial do alvinegro decidiu promover um meio de constante comunicação entre a diretoria e a [?]

16:15 | 07/08/2018

A transparência, ou a falta dela, tem sido uma das principais críticas da torcida do Corinthians a atual gestão de Andrés Sanchez. Mesmo depois de uma entrevista coletiva para expor as contas e a situação financeira do clube, a TV oficial do alvinegro decidiu promover um meio de constante comunicação entre a diretoria e a Fiel: o ?Papo Reto?, quadro que teve sua estreia nesta terça-feira.

O convidado da primeiro edição foi Luis Paulo Rosenberg. Junto com o presidente, o diretor de marketing abordou perguntas feitas por torcedores que se alternaram sobre diversos temas, desde os naming rights da Arena Corinthians até as peças de reposição para suprir as saídas do elenco. Um tema comum, porém, foram as contas do clube, criticadas pelos dirigentes pelo ?exagero? nas análises.

?Dizer que o Corinthians está quebrado é um exagero e se fosse verdade não estaríamos nem dormindo. O que está acontecendo é o mesmo que no Brasil inteiro. Com esse clima de desalento dos economistas e empresários, o dinheiro está curto. Mas desde que o Andrés assumiu conseguimos uma redução do endividamento?, disse Rosenberg, que ainda acrescentou:

?Estamos pagando a Arena e isso está aumentando o patrimônio do clube. Não temos nenhum salário atrasado e todas as renegociações feitas estão sendo honradas. Enfim, dentro da dificuldade financeira, o Corinthians está em uma situação de absoluta solvência, trabalhando muito bem?, completou.

Uma das polêmicas mais recentes em relação a diretoria alvinegra também foi explicada no quadro: a comissão para intermediários de negociações. Em março, a torcida organizada Gaviões da Fiel repudiou publicamente o relatório da CBF afirmando que o Corinthians foi o clube que repassou a maior quantia a empresários. Nesta terça, Andrés elencou os possíveis fatores para isso e cutucou os rivais.

?O Corinthians não é o que mais paga comissões a empresários. Mas sempre que tiver que pagar vamos fazer e declarar aquilo que pagou. Alguns clubes venderam jogadores ano passado e não declararam nada. Tem time que gastou entre R$ 25 e 30 milhões de comissão e não aparece no relatório porque, ou o empresário não é reconhecido pela CBF, ou não declara. O Corinthians faz questão de que todas as comissões sejam declaradas para a CBF e a Fifa?, explicou o presidente.

Gazeta Esportiva

TAGS