Clayson se desculpa e pede ajuda para encontrar torcedora da ChapeSport Club Corinthians Paulista | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Clayson se desculpa e pede ajuda para encontrar torcedora da Chape

A irritação de Clayson ao ser substituído no último domingo, na Arena Condá, evidenciado com o disparo de um esguicho de água contra torcedores da Chapecoense, voltou a ser um tema abordado pelo atleta mesmo dois dias depois do acontecido. Após se desculpar na zona mista, o atacante comandado por Osmar Loss utilizou, nesta terça-feira, [?]

12:15 | 14/08/2018

A irritação de Clayson ao ser substituído no último domingo, na Arena Condá, evidenciado com o disparo de um esguicho de água contra torcedores da Chapecoense, voltou a ser um tema abordado pelo atleta mesmo dois dias depois do acontecido. Após se desculpar na zona mista, o atacante comandado por Osmar Loss utilizou, nesta terça-feira, as redes sociais para lamentar o ocorrido e tentar encontrar a torcedora atingida.

?Gostaria de me desculpar pessoalmente sobre o ocorrido de ontem. Para isso, depois de assumir o erro publicamente, quero também falar com a moça que, acidentalmente, acabou envolvida e foi filmada. Quem puder me ajudar com o contato, por favor envie via direct para a minha assessoria. Obrigado?, escreveu o jogador nos stories do Instagram.

O incidente envolvendo Clayson ocorreu aos 27 minutos do segundo tempo da derrota do Corinthians para a Chapecoense por 2 a 1, no último domingo. Logo após o gol de empate da Chape, o atacante foi substituído por Pedrinho e, irritado, disparou um esguicho de água contra as arquibancadas, atingindo uma mulher.

O lance, entretanto, não foi relatado em súmula, o que não impede que o jogador corintiano seja denunciado junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva. O caso está sob análise e pode ser enquadrado nos artigos 258-A (Provocar o público durante partida, prova ou equivalente) ou 258 (Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras), ambos com pena máxima de seis partidas.

Contra a mesma Chapecoense, o Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira, quando decide a classificação para semifinal da Copa do Brasil novamente na Arena Condá. Dessa vez, o alvinegro possui a seu favor a vantagem conquistada no primeiro jogo com o triunfo por 1 a 0.

Gazeta Esportiva

TAGS