PUBLICIDADE
Esportes

Romero lamenta desfalques e vê ?responsabilidade maior? no Timão

Na última sexta-feira, Romero foi o escolhido para conceder entrevista coletiva no CT Joaquim Grava. O atacante Jonathas será desfalque por três semanas no Timão. O paraguaio lamentou a situação, até mesmo pelo técnico Osmar Loss, que tem que remendar a equipe a todo momento. Porém, fez questão de ressaltar a qualidade do elenco. ?Complicado [?]

08:15 | 28/07/2018

Na última sexta-feira, Romero foi o escolhido para conceder entrevista coletiva no CT Joaquim Grava. O atacante Jonathas será desfalque por três semanas no Timão. O paraguaio lamentou a situação, até mesmo pelo técnico Osmar Loss, que tem que remendar a equipe a todo momento. Porém, fez questão de ressaltar a qualidade do elenco.

?Complicado quando tem machucados, a gente não quer ver jogadores desfalcando o time, é muito doloroso. No outo dia o Jonathas saiu, tem que mudar o esquema, para o Osmar isso também é muito difícil. A gente está se conhecendo, a gente tem que se entrosar dentro de campo. Perdemos muitos jogadores, estamos no meio do campeonato, e tem que acertar bem, a gente tem que lidar com isso agora, temos um elenco não grande, mas forte e de muita qualidade?, afirmou o jogador.

O presidente Andrés Sanchez deu uma coletiva na última quinta, para atender às exigências da organizada do Alvinegro. No entanto, as declarações não foram convincentes e um protesto foi realizado ontem no Parque São Jorge.

Sobre conviver com essa situação, Romero, um dos mais experientes do grupo de jogadores corintianos garantiu que o fator não incomoda, que o importante é treinar. Porém, ressaltou o quão é fundamental a cúpula alvinegra resolver as questões o quanto antes.

?Não afeta não, é outra coisa, a gente só se preocupa com o dia a dia, treinar bem, para trabalhar, chegar bem nos jogos. A diretoria vai saber lidar com esse problema, a gente só se preocupa para jogar futebol. Mas no jogo você percebeu que a torcida empurrou o time, esteve do lado, é importante o apoio da torcida, tomara que resolva logo esse problema?, disse.

Corinthians avança por jovem chileno

Romero não se enxerga como ídolo

Corintiano, catimbeiro e sofredor. Até quando?

Além de ser um dos mais longevos do atual plantel, Romero frisou a importância e a responsabilidade de jogar em um clube do tamanho do Todo Poderoso. Mesmo com os atuais problemas, o paraguaio enxerga que, mesmo assim, os atletas mantêm o espírito vencedor, que consagrou o time nos últimos anos.

?Jogando aqui no Corinthians é uma responsabilidade muito grande, por estar há muito tempo aqui no clube. A responsabilidade é maior, já conhecemos o clube, como quando o resultado não está vindo, o Cássio, Emerson, Danilo, jogadores que estão há mais tempo e que já sabem lidar com esse problema. Jogar aqui é muito diferente, a pressão é outra, a gente tem que estar bem preparado, estou aqui há quatro anos, a gente sempre mantém o DNA do Corinthians, sempre brigar pelos títulos?, finalizou.

O Corinthians enfrentará o Vasco, na 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida é com mando dos cariocas, mas ocorrerá no Estádio Mané Garrincha, em Brasília e está marcada para as 11h00 (horário de Brasília).

*Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS