PUBLICIDADE
Esportes

Douglas atuou com quatro corintianos na base da Seleção; só um segue no clube

Douglas já conviveu com muitos corintianos

07:45 | 18/07/2018

O volante Douglas já teve diversos corintianos como seus companheiros na carreira, mas só vai reencontrar um deles quando assinar contrato com o Alvinegro. Presença constante em convocações das seleções de base do Brasil, o atleta, que conheceu o CT Joaquim Grava na última terça-feira, atuou ao lado de quatro nomes da base alvinegra vestindo a camisa amarela das divisões inferiores.

O companheiro que permanece no clube é o zagueiro Léo Santos, com quem treinou por uma semana antes de ser cortado do time que se preparava para o Sul-Americano sub-20 de 2017. Os outros nomes foram o lateral esquerdo Guilherme Arana, o volante Maycon e o atacante Malcom, todos com idade semelhante ao do novo reforço e já negociados pelo Timão após um rápido sucesso no time profissional.

A saída de Maycon para o Shakhtar Donetsk-UCR, por sinal, foi o motivo da investida sobre o canhoto, visto como uma rara oportunidade de mercado no país. Ele foi o último do trio a ser negociado, seguindo o exemplo de Arana, comprado pelo Sevilla no final do ano passado, e Malcom, adquirido pelo Bordeaux-FRA no começo de 2016.

O trio, ao menos, tem em comum o fato de terem sido titulares em boa parte da campanha de um título brasileiro do clube. Enquanto Malcom foi o único jovem destaque do ótimo time de 2015, Arana e Maycon formaram o forte lado esquerdo do hepta, em 2017.

A conta de antigos corintianos companheiros poderia ser ainda maior para o atleta. Léo Jabá, que foi para o Akhmat Grozny em 2017, também esteve naquela sub-20, mas foi chamado dias depois do corte de Douglas. Quase certo com o Alvinegro, ele deve até aparecer na Arena para acompanhar o jogo contra o Botafogo, às 21h45 (de Brasília), na retomada do Campeonato Brasileiro.

Caso confirme a chegada do canhoto Douglas, o Timão poderia utilizá-lo tanto no Brasileiro, já que ele está com seis jogos, dentro do limite permitido para a troca de clube, quanto na Copa do Brasil e na Copa Libertadores, torneios que o meio-campista não disputou na atual temporada.

Gazeta Esportiva

TAGS
Douglas atuou com quatro corintianos na base da Seleção; só um segue no clubeSport Club Corinthians Paulista | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes

Douglas atuou com quatro corintianos na base da Seleção; só um segue no clube

Douglas já conviveu com muitos corintianos

07:45 | 18/07/2018

O volante Douglas já teve diversos corintianos como seus companheiros na carreira, mas só vai reencontrar um deles quando assinar contrato com o Alvinegro. Presença constante em convocações das seleções de base do Brasil, o atleta, que conheceu o CT Joaquim Grava na última terça-feira, atuou ao lado de quatro nomes da base alvinegra vestindo a camisa amarela das divisões inferiores.

O companheiro que permanece no clube é o zagueiro Léo Santos, com quem treinou por uma semana antes de ser cortado do time que se preparava para o Sul-Americano sub-20 de 2017. Os outros nomes foram o lateral esquerdo Guilherme Arana, o volante Maycon e o atacante Malcom, todos com idade semelhante ao do novo reforço e já negociados pelo Timão após um rápido sucesso no time profissional.

A saída de Maycon para o Shakhtar Donetsk-UCR, por sinal, foi o motivo da investida sobre o canhoto, visto como uma rara oportunidade de mercado no país. Ele foi o último do trio a ser negociado, seguindo o exemplo de Arana, comprado pelo Sevilla no final do ano passado, e Malcom, adquirido pelo Bordeaux-FRA no começo de 2016.

O trio, ao menos, tem em comum o fato de terem sido titulares em boa parte da campanha de um título brasileiro do clube. Enquanto Malcom foi o único jovem destaque do ótimo time de 2015, Arana e Maycon formaram o forte lado esquerdo do hepta, em 2017.

A conta de antigos corintianos companheiros poderia ser ainda maior para o atleta. Léo Jabá, que foi para o Akhmat Grozny em 2017, também esteve naquela sub-20, mas foi chamado dias depois do corte de Douglas. Quase certo com o Alvinegro, ele deve até aparecer na Arena para acompanhar o jogo contra o Botafogo, às 21h45 (de Brasília), na retomada do Campeonato Brasileiro.

Caso confirme a chegada do canhoto Douglas, o Timão poderia utilizá-lo tanto no Brasileiro, já que ele está com seis jogos, dentro do limite permitido para a troca de clube, quanto na Copa do Brasil e na Copa Libertadores, torneios que o meio-campista não disputou na atual temporada.

Gazeta Esportiva

TAGS