PUBLICIDADE
Esportes

?Joias? e amigos, Pedrinho e Vital são rivais por vaga contra o Vitória

O Corinthians reúne no seu elenco remanescentes da vitoriosa temporada de 2017 e nomes trazidos para dar opções mais ?cascudas? ao técnico Fábio Carille. Dentre eles, porém, dois nomes despontam como joias para o futuro: Mateus Vital e Pedrinho, amigos até na hora de dividir o quarto na concentração, mas rivais por uma vaga na [?]

07:15 | 09/05/2018

O Corinthians reúne no seu elenco remanescentes da vitoriosa temporada de 2017 e nomes trazidos para dar opções mais ?cascudas? ao técnico Fábio Carille. Dentre eles, porém, dois nomes despontam como joias para o futuro: Mateus Vital e Pedrinho, amigos até na hora de dividir o quarto na concentração, mas rivais por uma vaga na equipe contra o Vitória, na quinta-feira, às 19h30 (de Brasília), na Arena.

Com uma base praticamente definida, o treinador tem à disposição nomes definidos para quase todas as posições, menos para o posto deixado aberto com a lesão de Clayson, que só volta depois da Copa do Mundo. Mais utilizado que o amigo no ano, Vital herdou a vaga contra Atlético-MG e Independiente-ARG, mas, sem grande atuação em ambas ocasiões.

Com menos oportunidade, Pedrinho fez surgir a dúvida pelo bom desempenho tanto como suplente diante dos argentinos quanto como titular frente ao Ceará, no final de semana. Atleta considerado o mais ?agudo? da equipe na ausência de Clayson, ele mostrou que pode ser uma alternativa importante quando se enfrenta uma equipe mais retraída, provável postura do vitória em Itaquera.

O que pesa contra o canhoto, no entanto, é a questão física. Ainda sem o preparo necessário para jogar 90 minutos, ele criou um dilema para Carille, que não sabe quando aproveitá-lo. Dessa forma, o treinamento desta quarta-feira servirá para o comandante definir se prefere um time que vá para cima desde os primeiros minutos com a cria das categorias de base ou tê-lo no banco para mudar a partida se necessário na reta final.

Sendo assim, o provável Timão para buscar a vaga tem a seguinte escalação: Cássio; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Romero, Jadson, Rodriguinho e Mateus Vital (Pedrinho). Apesar da vontade de vencer essa disputa particular, os dois garotos já deixaram claro que se tornaram muito próximos no Alvinegro.

?Quando a gente conversa, percebe que o Mateus é um moleque muito tímido. Quando cheguei, era assim também. Então, falo para ele que é normal e procuro explicar as coisas daqui?, contou Pedrinho ainda nos primeiros dias de convívio com o ex-vascaíno.

?O pessoal até brinca: ?Se quiser achar o Mateus, chama o Pedrinho?. É um parceiro, um amigo que quero levar para o resto da vida?, continuou o camisa 38, que pode ter pela frente a responsabilidade de ajudar o time numa disputa que assegura a presença do Timão em três competições para o segundo semestre.

Por ter empatado por 0 a 0 no jogo de ida, em Salvador, o Alvinegro precisa de uma vitória simples para se classificar no tempo normal. Nova igualdade leva a decisão para os pênaltis, enquanto um triunfo dos baianos elimina o Timão já na primeira eliminatória que a equipe disputou na atual edição da competição.

Gazeta Esportiva

TAGS